icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/07/2013
19:11

A Ponte Preta surpreendeu e anunciou a contratação do volante Fernando Bob, na noite da última quarta-feira. A contratação foi mantida em sigilo, como a diretoria desejava, para não haver frustrações, como o volante Bolatti, do Internacional, o meia Tiago Real e o atacante Maikon Leite, do Palmeiras, que estavam certos com a Macaca, mas detalhes finais impediram o acerto. Já aprovado nos exames médicos, Fernando Bob foi apresentado nesta quinta-feira no CT do Jardim Eulina.

Fernando Bob pertence ao Fluminense e acertou empréstimo até o final do Paulistão de 2014. O atleta estava no Vitória, onde atuou com o técnico Paulo César Carpegiani, que aprovou a contratação. Além do clube baiano e do Flu, o jogador já defendeu Paulista, Boavista, Avaí e Atlético-GO.

- Suas características atendem exatamente aquilo que o Paulo acha que ainda temos carência, então damos por cumprida essa tarefa de trazermos um segundo volante, conforme o desejo do treinador - declarou Ocimar Bolicenho, Executivo de Futebol da Ponte.

O jogador chega para ser opção de uma das posições mais carentes do elenco pontepretano: a de segundo volante. O técnico Carpegiani já testou Magal, Fernando e Paulo Roberto, mas nenhum agradou.

A Ponte Preta surpreendeu e anunciou a contratação do volante Fernando Bob, na noite da última quarta-feira. A contratação foi mantida em sigilo, como a diretoria desejava, para não haver frustrações, como o volante Bolatti, do Internacional, o meia Tiago Real e o atacante Maikon Leite, do Palmeiras, que estavam certos com a Macaca, mas detalhes finais impediram o acerto. Já aprovado nos exames médicos, Fernando Bob foi apresentado nesta quinta-feira no CT do Jardim Eulina.

Fernando Bob pertence ao Fluminense e acertou empréstimo até o final do Paulistão de 2014. O atleta estava no Vitória, onde atuou com o técnico Paulo César Carpegiani, que aprovou a contratação. Além do clube baiano e do Flu, o jogador já defendeu Paulista, Boavista, Avaí e Atlético-GO.

- Suas características atendem exatamente aquilo que o Paulo acha que ainda temos carência, então damos por cumprida essa tarefa de trazermos um segundo volante, conforme o desejo do treinador - declarou Ocimar Bolicenho, Executivo de Futebol da Ponte.

O jogador chega para ser opção de uma das posições mais carentes do elenco pontepretano: a de segundo volante. O técnico Carpegiani já testou Magal, Fernando e Paulo Roberto, mas nenhum agradou.