icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
27/11/2014
11:57

A equipe de Futebol Americano Feminino Cariocas F.A. recebe em casa o Cuiabá Angels para disputar a FINAL do Torneio Endzone – Campeonato Brasileiro da modalidade –, no domingo, às 10h, no Estádio Luso Brasileiro, na Ilha do Governador.

A equipe carioca obteve a vantagem de disputar a medalha de ouro em casa, pois venceu todas as partidas que disputou no campeonato, inclusive o último jogo, em que levaram por 28 a 06 a partida contra a mesma equipe de Cuiabá. Agora, o Cariocas F.A. joga essa final inédita com a torcida a favor, o que é importante pra elas.

Mariana Teixeira, mais conhecida como Man, artilheira do jogo em Aracaju, e uma das atletas do departamento médico, mas que pretende jogar de qualquer jeito. De acordo com ela, o fator casa e o apoio da torcida são fundamentais.

- Mesmo tendo sofrido uma lesão no dedo, que me obrigou a fazer uma cirurgia faltando um mês para o jogo, a minha vontade de jogar é maior do que qualquer dor que eu venha a sentir! Poder jogar a primeira final de um campeonato Brasileiro ‘Full Pads’ é realizar um sonho antigo. Acredito que o jogo será disputado, pois as Angels devem vir com o time mais completo e certamente já estudaram o nosso time, depois do último jogo que fizemos. Vai ser uma final emocionante e eu não ficaria de fora! O Cariocas F.A. está preparado pra essa grande final, vamos jogar vencer! E unidas, o que é muito melhor! - disse.

Mesmo sendo o primeiro campeonato de fato, a rivalidades das duas equipes é antiga. O Rio de Janeiro foi o primeiro estado do Brasil a ter Futebol Americano. Todos jogavam na praia, por falta de campo, e nas areias fizeram o esporte crescer. O Rio foi também o primeiro a ter campeonatos masculino e feminino. Já o Cuiabá Angels foi a primeira equipe “full pads” que surgiu, ou seja, querendo jogar totalmente equipada, na grama – em 2007/2008.