icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
28/08/2015
17:51

Patric assinou pré-contrato com o Osmanlispor, da Turquia, mas não pretende se mudar para o país. A intenção do lateral-direito é permanecer na Cidade do Galo, onde tem feito boa temporada. O pai do jogador se pronunciou e não escondeu que ele está feliz no Atlético-MG, clube o qual deseja atuar por mais temporadas.

José Reginaldo, progenitor do substituto de Marcos Rocha, revelou que ele gostaria de seguir no atual vencedor da Copa do Brasil em 2016.

– O cenário é no momento que ele vem jogando porque tem contrato até dezembro. Ele não rescindiu o pré-contrato e nem renovou com o Atlético. Por enquanto, eu posso dizer isso. O Patric vai agendar uma coletiva na próxima semana e passar mais detalhes – declarou, em entrevista exclusiva ao Super Esportes.

Questionado se a multa com os europeus seria o principal entrave para a continuidade do jogador no Atlético, José Reginaldo argumentou:

– É claro que um valor não fica esquecido num negócio desses. Ele assinou um compromisso. Mas eu creio que será resolvido da melhor maneira possível – completou.

Patric assinou pré-contrato com o Osmanlispor, da Turquia, mas não pretende se mudar para o país. A intenção do lateral-direito é permanecer na Cidade do Galo, onde tem feito boa temporada. O pai do jogador se pronunciou e não escondeu que ele está feliz no Atlético-MG, clube o qual deseja atuar por mais temporadas.

José Reginaldo, progenitor do substituto de Marcos Rocha, revelou que ele gostaria de seguir no atual vencedor da Copa do Brasil em 2016.

– O cenário é no momento que ele vem jogando porque tem contrato até dezembro. Ele não rescindiu o pré-contrato e nem renovou com o Atlético. Por enquanto, eu posso dizer isso. O Patric vai agendar uma coletiva na próxima semana e passar mais detalhes – declarou, em entrevista exclusiva ao Super Esportes.

Questionado se a multa com os europeus seria o principal entrave para a continuidade do jogador no Atlético, José Reginaldo argumentou:

– É claro que um valor não fica esquecido num negócio desses. Ele assinou um compromisso. Mas eu creio que será resolvido da melhor maneira possível – completou.