icons.title signature.placeholder Igor Siqueira e Michel Castellar
24/11/2013
19:57

O técnico da Seleção Brasileira, Luiz Felipe Scolari, uma das atrações do lançamento do novo uniforme do Brasil, revelou que não vai torcer para que a equipe caia em um grupo mais fácil no sorteio da Copa-2014. O evento da Fifa acontece no dia 6 de dezembro, na Costa do Sauípe, Bahia.

- Não tem o que fazer. É um sorteio. O Brasil pode cair uma chave um pouco mais pesada, difícil, com mais cartel. É sorteio, então estamos preparados para enfrentar o que tivermos que enfrentar e ganhar para chegar à final. Sei que o povo vai estar junto, como foi na Copa das Confederações - disse o treinador.

Na visão de Scolari, há muito pouco a ser feito pela comissão técnica até o Mundial.

- A preparação começou em novembro do ano passado. Fomos seguindo um planejamento traçado pela comissão técnica, de organizarmos a equipe, montarmos o sistema, vieram jogos e Copa das Confederações. Não temos muita coisa que fazer para a Copa. É seguir o projeto, por estarmos em uma boa via - completou.

Segundo o técnico da Seleção, só uma coisa faltou ao novo uniforme:

- A sexta estrela. Vai ser colocada após o campeonato mundial.