icons.title signature.placeholder Gabriel Carneiro e Lucas Faraldo
15/07/2014
19:14

O volante Guilherme não é mais jogador do Corinthians. Liberado pela diretoria para acertar com a Udinese, da Itália, o jogador de 23 anos de idade ainda precisava discutir detalhes como salários, luvas e tempo de contrato. A negociação foi concluída na tarde desta terça-feira e ele viaja ainda nesta noite (entre 20h e 21h, segundo o LANCE!Net apurou) para a Itália, onde realizará exames médicos e será anunciado pelo novo clube.

Segundo o estafe de Guilherme, o negócio ainda não está fechado, mas a própria diretoria do Corinthians já admite que não há volta. Com contrato até 2017, o volante será negociado por cerca de 4 milhões de euros (R$ 12 milhões), mas o clube detém apenas 30% dos direitos, e lucrará 1,2 milhões de euros (R$ 3,6 milhões).

O Corinthians gostaria de ter concluído a venda de Guilherme ainda na semana passada, pois o valor ajudaria a fechar com o atacante Marcelo, do Atlético-PR. O Furacão cobra 2 milhões de euros (R$ 6 milhões) apenas pela entrada da compra de 50% dos direitos do jogador de 22 anos, e o clube praticamente anunciou uma desistência nesta terça-feira. Com a oficialização da saída de Guilherme, as esperanças em ter Marcelo podem ser reacendidas.

Guilherme foi contratado pelo Corinthians em agosto de 2012, após se destacar com a camisa da Portuguesa, e permanceu alguns meses como opção no banco de reservas. Após a saída de Paulinho para o Tottenham, o volante de 23 anos assumiu a condição de titular. Em menos de dois anos, Guilherme já entrou em campo 76 vezes e anotou nove gols. Ele perdeu espaço com a chegada de Bruno Henrique e agora Elias e já vinha treinando à parte desde a semana passada.