icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/07/2013
01:01

Vice-campeão da Recopa Sul-Americana, o São Paulo volta suas atenções agora para o Campeonato Brasileiro. Na competição, a equipe vive situação difícil, ocupando a décima quarta colocação, com apenas oito pontos. Para o atacante Luis Fabiano, porém, o nacional ainda está no início e há muito tempo para se recuperar no torneio.

- Momento difícil, não adianta se esconder. O grupo hoje não pensa em lutar contra o rebaixamento, está cedo, tem muita coisa para acontecer, precisa reagir. O São Paulo não merece estar onde está. Tem de buscar forças, motivação de algum lugar, não sei de onde, para ganhar os jogos - afirmou o camisa 9, pouco antes da saída da equipe do estádio.

Com o revés diante do Corinthians no Pacaembu, o clube do Morumbi chegou à sua sexta derrota seguida (Flamengo, Corinthians, Santos, Bahia, Vitória e Corinthians, respectivamente). Além da sequência de resultados negativos, a equipe de Paulo Autuori não vence há nove jogos. Antes da pausa para a Copa das Confederações, o time empatou com Atlético-MG e Grêmio e perdeu para o Goiás.

Apesar do tempo para reagir no Campeonato Brasileiro, Fabuloso alerta para clubes grandes que caíram, como fez o Palmeiras em 2012. Campeão da Copa do Brasil, o alviverde não conseguiu bons resultados no nacional e acabou rebaixado para a Série B.

- No ano passado, tivemos o exemplo do Palmeiras, que entrou perto de uma zona perigosa e é difícil de sair depois. O momento é lamentável, complicado, temos de unir forças para reverter e começar a reagir no Brasileiro - completou o centroavante.

Parado no tempo? L!TV analisa situação do São Paulo

Vice-campeão da Recopa Sul-Americana, o São Paulo volta suas atenções agora para o Campeonato Brasileiro. Na competição, a equipe vive situação difícil, ocupando a décima quarta colocação, com apenas oito pontos. Para o atacante Luis Fabiano, porém, o nacional ainda está no início e há muito tempo para se recuperar no torneio.

- Momento difícil, não adianta se esconder. O grupo hoje não pensa em lutar contra o rebaixamento, está cedo, tem muita coisa para acontecer, precisa reagir. O São Paulo não merece estar onde está. Tem de buscar forças, motivação de algum lugar, não sei de onde, para ganhar os jogos - afirmou o camisa 9, pouco antes da saída da equipe do estádio.

Com o revés diante do Corinthians no Pacaembu, o clube do Morumbi chegou à sua sexta derrota seguida (Flamengo, Corinthians, Santos, Bahia, Vitória e Corinthians, respectivamente). Além da sequência de resultados negativos, a equipe de Paulo Autuori não vence há nove jogos. Antes da pausa para a Copa das Confederações, o time empatou com Atlético-MG e Grêmio e perdeu para o Goiás.

Apesar do tempo para reagir no Campeonato Brasileiro, Fabuloso alerta para clubes grandes que caíram, como fez o Palmeiras em 2012. Campeão da Copa do Brasil, o alviverde não conseguiu bons resultados no nacional e acabou rebaixado para a Série B.

- No ano passado, tivemos o exemplo do Palmeiras, que entrou perto de uma zona perigosa e é difícil de sair depois. O momento é lamentável, complicado, temos de unir forças para reverter e começar a reagir no Brasileiro - completou o centroavante.

Parado no tempo? L!TV analisa situação do São Paulo