icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
11/02/2015
14:08

O Corinthians terá dois desfalques para a partida contra o Once Caldas, válida pela primeira fase da Libertadores. Um deles será Fábio Santos, que ao lado de Guerrero, foi expulso no primeiro jogo entre as duas equipes. Em entrevista ao programa "Bate-Bola" da ESPN Brasil, o jogador falou que os clubes brasileiros levam ligeira vantagem na corrida pelo título sul-americano.

- Conheço pouco sobre as outras equipes sul-americanas. Então, não sei dizer quem vem melhor. As do Brasil, é muito cedo dizer, mas nós estamos muito fortes, o São Paulo se reforçou nas posições certas o Atlético-MG, apesar de ter perdido jogadores importantes, tem o ótimo trabalho do Levir. Acredito que essas três saem na frente, mas nada muito significativo - afirmou.

Outro ponto que Fábio Santos fez questão de ressaltar foi o trabalho realizado por Mano Menezes na temporada passada. Na avaliação do lateral, o ex-treinador do Corinthians foi fundamental para que o clube paulista conseguisse a vaga para a Libertadores após a disputa do Campeonato Brasileiro.

- Vontade para jogar aqui sempre temos e já tínhamos no ano passado. Temos que valorizar o trabalho do Mano, que pegou uma equipe totalmente mexida e precisou fazer uma reformulação. Teve a eliminação para o Atlético Mineiro na Copa do Brasil, mas no Brasileiro chegamos onde podíamos chegar. Não tínhamos um time para brigar por títulos e havia equipes melhores. Agora, temos um time mais pronto - disse.

Por fim, Fábio Santos comentou a chegada de Vágner Love, novo reforço do Corinthians par a temporada. Para o jogador, a chegada do atacante não é um indício de que Guerrero esteja de saída do Timão.

- Não vejo essa maneira porque jogadores que já atuaram com o Vagner falaram que ele também pode jogar nas beiradas. Então, acredito que os dois possam jogar juntos. Além disso, vamos perder jogadores durante a Copa América e precisamos de substitutos - finalizou.