icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/07/2014
16:59

Após a eliminação da seleção brasileira na Copa do Mundo, a torcida dos irmãos Raffael e Ronny estará voltada para Alemanha, país em que ambos jogam. Raffael, jogador do Borussia Mönchengladbach, afirmou que estará na torcida por seus amigos na partida de domingo, contra a Argentina, no Maracanã.

- Agora que o Brasil não está na final, vou ficar na torcida para Alemanha. Conheço quase todos os jogadores da seleção e tenho amizade com o Howedes e Draxler, que jogaram comigo no Schalke e também com o Kramer, que atua comigo no Borussia - disse o meia.

Na Alemanha desde 2008, o meia-atacante Raffael evidenciou a sua evolução desde a chegada ao futebol alemão. O meia destacou a obediência tática e o bom trabalho feito nos clubes.

- Acabei chegando jovem ao futebol alemão e aprendi muito. Até mesmo em relação a horário e obrigações. Dentro de campo, me posiciono melhor, compreendo mais o jogo e vejo alternativas para ajudar a minha equipe. Sem dúvida, cresci muito atuando no futebol alemão. Alem disso tudo, a estrutura dos clubes é fantástica. Temos todas as condições para realizar um bom trabalho - disse Raffael.

Irmão de Raffael, Ronny tem opinião semelhante. Atualmente jogando no Hertha Berlin e atuando no país desde 2010, o meia-atacante acredita que não só a consciência tática, mas também a versatilidade dos comandados por Joachim Low podem levar o futebol alemão ao tetracampeonato mundial.

- A Argentina conta com uma forte seleção e com um jogador sensacional que é o Messi, mas acho a Alemanha mais preparada e com atletas capazes de realizar várias  funções dentro do campo. Os jogadores se movimentam muito e são inteligentes taticamente. Aposto e vou torcer para a Alemanha - encerrou o meia-atacante.