icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/11/2013
14:11

Com uma população praticamente toda muçulmana sunita, Marrocos é um país árabe com costumes estranhos aos brasileiros. Atento a isso, o lateral-direito Marcos Rocha quer evitar as 'mancadas' e, para tanto, já sabe em quem ficará atento nas suas andaças por Marrakesh: Diego Tardelli e Fernandinho.

- Ainda não procurei saber sobe a cultura, mas estarei andando com Tardelli e Fernandinho, porque se dar uma quebrada, a zuação valerá para o outro ano todo - afirmou o jogador.

Fernandinho ficou uma temporada no Al-Jazira, dos Emirados Árabes Unidos. Já Diego Tardelli, antes de voltar ao Galo, passou pelo Al-Jazeera, do Catar. Ambos sabem bem como se comportar em um país de regime muçulmano.

Rocha, que veio da base do Galo, diz que jogar o Mundial é a realização de mais um sonho com a camisa do Alvinegro. Ele ficou um período emprestado ao América e voltou para ser a solução da lateral-direita do Galo.

- Nunca sonhei em disputar o Mundial, mas, graças a Deus, o trabalho dentro do Atlético nos proporcionou sonhar em vencer o Mundial. Por ser o jogador da base, fico bastante feliz.