icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
20/11/2014
18:43

A segunda etapa da Volvo Ocean Race, a regata "Volta Ao Mundo", começou com direito a vento forte na largada e ondas gigantes na passagem pelo Cabo da Boa Esperança. Os sete barcos que partiram na última quarta-feira, da Cidade do Cabo (AFS), já se encontram no Oceano Índico.

A equipe norte-americana Team Alvimedica lidera a regata no momento. O tripulante Dave Swete brincou com o forte vento encontrado no caminho.

- Desse jeito vou perder o único boné que trouxe para essa perna. Poucas vezes vi um começo de etapa como essa.

Equipe do brasileiro André Bochecha, a espanhola MAPFRE ousou logo de início, partindo para o ataque, visando sair da incômoda posição de lanterna. Para Xabi Fernandez, integrante do time, a ideia é brigar pela liderança.

- Claro que queremos ir bem. Nosso objetivo é fazer uma boa etapa e brigar pelas primeiras posições.

Atual líder da classificação geral, o Abu Dhabi se deu ao "luxo" de tomar uma atitude mais conservadora, pelo menos nesse início de regata. Simon Fischer, navegador da equipe, garantiu que a estratégia foi muito bem pensada.

- Vamos administrando a situação para sair sem quebras. É assim que funciona.

A largada foi uma das mais 'radicais' dos últimos anos, com várias trocas de posições, ventos fortes e, em alguns períodos, apagões.

De acordo com a organização, o percurso total diminuiu, muito em função das zonas de exclusão em virtude da ação de piratas e também dos pontos com icebergs.