icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/07/2014
07:03

O Santos não fez grandes contratações, nem mesmo vendeu grandes jogadores durante a pausa para a Copa do Mundo. Mas durante o mês de junho e julho o Peixe negociou alguns nomes que não estavam sendo utilizados e se reforçou. Enquanto cedeu a Vila Belmiro e o CT Rei Pelé para a Costa Rica e México respectivamente, treinou em São José dos Campos (SP), e vendeu três jogos treinos neste período. Veja o que aconteceu no Santos durante os dias mais importantes que se passaram.

14 de junho

Com a cidade de São José dos Campos já definida, o Santos anunciou em seu site oficial a contratação do volante Souza, que estava no Cruzeiro. Ele ficará até o fim do Campeonato Paulista do ano que vem. Uma curiosidade em relação a essa negociação, é que a Raposa fez o anúncio quase uma semana antes, e o Peixe demorou para fazer o mesmo pois tentava trazer também o meia Marlone, mas não teve sucesso. Veja.

16 de junho

O clube confirmou a venda do lateral-direito Bruno Peres para o Torino (ITA). Como tinha 70% dos direitos do defensor, o Peixe ficou com R$ 4,2 milhões. O restante ficou para o Audax-SP, detentor dos outros 30%. Relembre.

17 de junho

O elenco chegou a São José dos Campos pela primeira vez para iniciar a preparação após a folga de 13 dias. Leia.


Equipe treinou no estádio municipal Martins Pereira (Foto: Russel Dias)

18 de junho

O lateral-direito Victor Ferraz, que estava no Coritiba, chega à Vila Belmiro e na mesma noite se junta ao grupo em São José dos Campos. Ele ainda não tinha sido anunciado pelo Santos quando começou a treinar. Veja mais.


Jogador chegou com malas de viagem na Vila Belmiro (Foto: Bruno Andrade)

25 de junho

Conselho Deliberativo se reuniu na Vila Belmiro para apresentar o balanço do primeiro trimestre e homologar dois novos nomes para o Comitê de Gestão. Comissão Fiscal mostrou que o clube já tem um déficit de R$ 2 milhões nos três primeiros meses do ano. Para a diretoria, Alexandre Daoun e Júlio Peralta foram nomeados.

26 de junho

Elenco retorna para São José dos Campos após a classificação do México para as oitavas de final da Copa do Mundo, que permaneceu usando o CT Rei Pelé. O argentino Patito Rodríguez voltou de empréstimo do Estudiantes (ARG) e foi integrado às atividades. Leia.


Patito Rodríguez correu em volta do gramado já que tratava uma lesão no tornozelo (Foto: Divulgação / Santos)

27 de junho

No primeiro teste após as férias, Santos bateu o Red Bull em jogo-treino em São José dos Campos, e se despediu da cidade.


Renato e Jubal começaram jogando na vitória por 1 a 0 (Foto: Russel Dias)

2 de julho

Após rescindir com o venezuelano Breitner, que retornou para seu país, o volante Anderson Carvalho foi quem deu adeus ao Peixe, se dirigindo para o Boavista (POR). Saiba mais.

6 de julho

No CT Rei Pelé, o Santos venceu o AD Guarujá por 4 a 0, no que foi seu segundo teste depois da pausa do Campeonato Brasileiro. No entanto, o zagueiro Jubal se lesionou, parando por duas semanas. Ele teve um estiramento ligamentar no joelho esquerdo. Leia.

7 de julho

Liberados pelo departamento médico, Edu Dracena, Leandro Damião e Thiago Ribeiro voltam a treinar com bola no gramado. Veja.

9 de julho

Promessa do Santos, o atacante de 18 anos Victor Andrade rescinde com o clube. Ele estava treinando separado desde que os jogadores voltaram das férias. Posteriormente ele acertou com o Benfica (POR). Relembre.

Já encaminhado, o zagueiro Rafael Caldeira acerta com o Mirassol. Ele não estava sendo aproveitado há mais de um ano.


Victor Andrade vestiu a camisa do Benfica, seu novo clube. (Foto: Repdrodução / Twitter)


10 de julho

O chileno Mena retornou da Copa do Mundo após a eliminação da Roja para a Seleção Brasileira nas oitavas de final e renovou seu contrato com o Santos até 2017. Mesmo assim ele ainda pode ser negociado, já que é um desejo da diretoria para lucrar. Saiba mais.

12 de julho

Peixe bate o Hortolândia em jogo-treino, o último antes de enfrentar o Palmeiras no Brasileirão. Recuperado, Leandro Damião foi autor de um dos quatro gols da vitória. Veja.