icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
02/02/2015
13:04

A bola começou a rolar em alguns campeonatos estaduais neste fim de semana. Porém, mesmo após um período de férias, não pareceu que os torcedores estavam com saudades dos seus clubes. Exceto Palmeiras e Corinthians, que tiveram os maiores públicos e rendas do início dos estaduais, os outros grandes clubes brasileiros não tiveram muito sucesso em relação à bilheteria dos seus jogos.

O Timão foi o clube que mais levou torcedores ao estádio neste final de semana. Um público de 25.582 pagantes foi ver o Corinthians vencer o Marília por 3 a 0, neste domingo, na Arena Corinthians. A renda da partida foi de R$ 1.116.056,85.

Assim como o rival, o Palmeiras também jogou para um bom público: 24.984 pagantes. Inclusive, a partida contra o Audax gerou a maior renda do primeiro fim de semana de estaduais: R$ 1.655.220. Porém, quem ficou com o dinheiro foi o Audax, que conseguiu autorização para mandar o jogo na casa do Verdão.

O clássico pernambucano entre Santa Cruz e Sport também teve bom público: 24.143 pagantes. A partida gerou uma renda de R$ 475.175.

Em meio a briga pelo preço dos ingressos, os clubes do Rio não começaram bem o ano em relação a bilheteria dos seus jogos. Somados, os quatro grandes do estado só conseguiram levar 23.552 torcedores pagantes ao estádio, menos do que os jogos de Palmeiras e Corinthians, por exemplo. Vale destacar que três dos grandes cariocas jogaram fora do Rio, já que apenas o Botafogo atuou na cidade, em São Januário.

Já a dupla de Minas Gerais também não tiveram bons números. Mesmo jogando fora de Belo Horizonte, o Cruzeiro, atual campeão brasileiro, levou apenas 6.160 pagantes ao Mamudão, contra o Democrata. O Galo teve 12.412 torcedores pagando ingresso no Independência contra o Tupi.

Os jogos envolvendo os integrantes da elite nacional teve média de 10.134 pagantes. Como efeito de comparação, a primeira rodada do Campeonato Brasileiro de 2014 teve média de 15.024 pagantes.

Entre os clubes da Série A, dois jogos tiveram públicos muito baixos. Nacional e Coritiba, que teve vitória do Coxa por 2 a 1, contou com 677 pagantes no estádio Erich George, em Rolândia. Já Goiás e Trindade, que terminou em 2 a 2, teve apenas 987 pessoas pagando ingresso no estádio Hailé Pinheiro, em Goiânia.

Confira o público e renda das partidas de alguns clubes da Série A nos estaduais:

Corinthians 3 x 0 Marília (Arena Corinthians)
Pagantes: 25.582
Renda: R$ 1.116.056,85

Palmeiras 3 x 1 Audax (Allianz Parque)
Pagantes: 24.894
Renda: R$ 1.655.220

Santos 3 x 0 Ituano (Vila Belmiro)
Pagantes: 9.121
Renda: R$ 269.839

Penapolense 1 x 3 São Paulo (Estádio Tenente Carriço)
Pagantes: 9.267
Renda: R$ 375.517,50

Botafogo x Boavista (São Januário)
Público: 4.512 pagantes
Renda: R$ 74.275,00

Macaé 1 x 1 Flamengo (Moacyrzão)
Pagantes: 12.550
Renda: R$ 262.000

Fluminense 2 x 1 Friburguense (Raulino de Oliveira)
Pagantes: 2.089
Renda: R$ 46.105

Cabofriense 0 x 2 Vasco (Moacyrzão)
Pagantes: 4.401
Renda: R$ 93.620

Atlético-MG 2 x 0 Tupi (Independência)
Pagantes: 12.412
Renda: R$ 324.977,50

Democrata 1 x 2 Cruzeiro (Mamudão)
Pagantes: 6.160
Renda: R$ 307.225

Grêmio 3 x 0 União Frederiquense (Arena Grêmio)
Pagantes: 18.568
Renda: R$ 494.588