icons.title signature.placeholder Geovanne Esteves
16/06/2014
14:24

O brasileiro Tiago Splitter, de 29 anos e 2,11m de altura, natural de Blumenal, Santa Catarina, é o pivô do San Antonio Spurs. A equipe do Texas conquistou, na noite deste domingo, seu quinto título da liga amerinca de basquete, depois de vencer o Miami Heat, no AT&T Center, por 104 a 87 e fechar a série melhor de sete em 4 a 1.

Agora, o catarinense é o único brasileiro a ter conquistado um título da NBA e falou, em entrevista ao LANCE!Net, sobre a sensação de ter um anel de campeão no dedo.

– Uma felicidade muito grande, chega ser difícil de descrever. Sei que muitos brasileiros estavam torcendo por mim e pela equipe. Essa vitória estava engasdada na nossa garganta depois de estarmos próximos de conquistar o título no ano passado – falou o pivô.

Um dos grandes momentos de Splitter na partida foi um toco, aos seis minutos do terceiro quarto, quando a equipe já tomava a frente por 56 a 42, em cima do ala-armador Dwyane Wade.

– Foi em um momento em que abríamos vantagem no placar, depois de umas três ou quartro bolas de três pontos acertadas pelo Ginóbili e pelo Mills. O toco deu um ânimo a mais no time, uma explosão no ataque e na defesa – indagou.

Muitos atributos foram apontados como fatores importantes para que a equipe do Texas saísse com título em cima do grande favorito Miami Heat, campeão das duas últimas temporadas. E, segundo ele, a motivação pela derrota do ano passado, o estilo de jogo imposto pelo técnico Gregg Popovich e as peças de reposição foram os pontos chave para a grande campanha da equipe, que, durante a temporada regular, teve 62 vitórias e 20 derrotas.

Ano passado, Splitter já havia renovado seu contrato com o San Antonio por mais quatro anos, tendo mais três ainda em vigência.

Confira a íntegra da entrevista na edição do jornal desta quarta-feira.