icons.title signature.placeholder Pedro Barboza
31/03/2014
12:11

Mesmo ainda não tendo apresentado um bom futebol com a camisa do Flamengo, o zagueiro Frickson Erazo pode ter uma papel importante para o esquema do técnico Jayme de Almeida na partida contra o Emelec (EQU), pela quinta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. Isso porque o defensor equatoriano chegou ao Rubro-Negro depois de defender o Barcelona de Guayaquil por duas temporadas.

Por conta disso, Erazo, mesmo fora das quatro linhas, pode dar dicar dos pontos fortes e as fragilidades do time equatoriano, para que assim, Jayme possa definir o melhor esquema para a partida. Para o zagueiro, o Flamengo tem condições de surpreender a equipe do Equador, em Guayaquil.

- O Emelec é uma equipe muito rápida, um time compacto, que joga bem. O técnico já vem trabalhando com o time há algum tempo, então acho que será uma partida muito complicada. Mas o Flamengo vem jogando bem e acredito que possamos fazer um bom jogo no Equador. Sabemos a força deles, o que pode fazer no seu campo, mas temos jogado bem - disse o equatoriano.

Porém, de acordo com o o zagueiro Wallace, titular da posição, um esquema com mais zagueiros poderia ser uma opção adotada pelo técnico Jayme de Almeida para a partida desta quarta-feira. Para o confronto, Jayme levou além dos dois titulares, Wallace e Samir, os reservas Chicão, Erazo e Welinton.

- Na Europa, se joga com uma linha de quatro zagueiros, muitas vezes, e o Jayme pode optar por isso também. Teremos pouco tempo para trabalhar, mas esse jogo vale tudo, a torcida clama por esse resultado positivo para trazermos para o Maracanã essa decisão - disse Wallace, que falou sobre as dicas do companheiro:

- Ele passou algumas informações, pois jogou muito tempo por lá, mas independente de informações, o que vale mais é a nossa postura.

Titular da seleção equatoriana, Erazo chegou para reforçar o sistema defensivo do Flamengo. Em quatro oportunidades, foi bastante criticado e não conseguiu se firmar entre os titulares.

O Rubro-Negro embarcou na manhã desta segunda-feira para o Equador e treina nesta terça, no CT do Barcelona de Guayaquil, para encarar o Emelec nesta quarta-feira, às 22h (horário de Brasília). No Grupo 7 da Libertadores, o Rubro-Negro é o último colocado, com quatro pontos. O Bolívar (BOL) lidera, com oito, seguido por León (MEX), com sete e, em terceiro, o time equatoriano, com seis pontos.