icons.title signature.placeholder João Matheus Ferreira
25/02/2015
21:04

Frequente nas convocações da Seleção Brasileira de base e uma das principais promessas do Centro de Formação de Atletas de Cotia nos últimos anos, o atacante Ademilson será emprestado até o fim do ano ao Yokohama Marinos, do Japão. O acordo já está fechado, mas deve ser assinado somente nesta quinta-feira, quando o jovem de 21 anos será liberado das atividades no São Paulo.

O Yokohama Marinos ficará responsável por pagar integralmente os salários de Ademilson neste ano de empréstimo e, ao final da temporada, terá a opção de compra por 7,5 milhões de euros (cerca de R$ 24,5 milhões). Também há opção de New York City, dos Estados Unidos, ou Manchester City, da Inglaterra, buscarem o camisa 19 do Tricolor, pois o clube japones pertence ao poderoso grupo inglês.

Ademilson se despede do São Paulo com 112 jogos disputados e 15 gols marcados desde que foi promovido de vez ao elenco profissional, em 2012. O atacante está inscrito na primeira fase da Libertadores e também é um dos 28 nomes relacionados para o Campeonato Paulista - nomes como o zagueiro Antonio Carlos, por exemplo, não estão nessa relação.

Muricy Ramalho, mesmo com a saída de Ademilson, segue cheio de opções para escalar o setor ofensivo. Além dos titulares Luis Fabiano e Alexandre Pato, ele conta com Alan Kardec, Centurión, Ewandro e Jonathan Cafu. João Paulo, destaque da Copa São Paulo de Juniores de 2015, está ganhando espaço e foi até inscrito na Libertadores, também é opção.