icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
25/11/2014
13:12

O Flamengo está perto de anunciar o lateral-esquerdo Thallyson, que estava no ASA (AL), como primeiro reforço para 2015. O jogador já fez exames médicos e deve ser apresentado nos próximos dias. O atleta está prestes a completar 23 anos e foi uma indicação do técnico Vanderlei Luxemburgo. Essa não é a primeira vez que o Rubro-Negro aposta na contratação de jogadores desconhecidos. Relembre casos que deram certo e os que não vingaram com a camisa do clube.

PAULINHO

Por falta de dinheiro para contratar na última temporada, o Fla apostou em alguns nomes desconhecidos, como Val, Bruninho, Diego Silva e Paulinho. O último foi o único que vingou e teve boas atuações com a camisa rubro-negra. Paulinho foi um dos destaques do título da Copa do Brasil de 2013 e também no primeiro jogo da final do Carioca contra o Vasco este ano. Vivendo com lesões nesta temporada, ele acabou perdendo espaço no time. O meia-atacante está lesionado e só volta a jogar em 2015.

NEGREIROS

Conciliando os trabalhos de carregador de colchões e jogador de futebol em Campina Grande (PB) até os 22 anos, o atacante Negreiros chegou para reforçar o ataque do Flamengo em 2004 após passagem pelo Rio Branco, do Paraná, onde fez nove gols no Campeonato Paranaense. A estreia no Rubro-Negro foi boa, com gol que classificou o time para as quartas de final da Copa do Brasil. Porém, o jogador não conseguiu se firmar e em pouco tempo tirou a paciência da torcida com péssimas atuações.

WALTER MINHOCA

Após boa campanha na Copa do Brasil em 2006 pelo Ipatinga (MG), Walter Minhoca chegou ao Fla como grande esperança para o meio-campo. Porém, o jogador não conseguiu se firmar com a camisa rubro-negro e não fez nenhum gol em sua rápida passagem pela Gávea

ARTHUR

Destaque do Campeonato Paranaense este ano pelo Londrina, Arthur chegou com grande expectativa para reforçar o ataque do Flamengo no início do Brasileirão. Porém, o atacante não conseguiu aproveitar as oportunidades que teve e ainda não marcou nenhum gol pelo Rubro-Negro.

PERALTA

O meia uruguaio Horácio Peralta foi contratado pelo Flamengo em 2006 após a diretoria se encantar com a habilidade do gringo por DVD. Apesar de ter feito parte do elenco campeão da Copa do Brasil em 2006, o jogador é mais lembrado por suas noitadas. Ele foi flagrado bebendo e fumando em bares do Rio e não ficou nem uma temporada no clube.

HERNANE

Por outro lado, uma aposta do Fla para o ataque deu muito certo em 2013. Hernane chegou ao clube vindo do Mogi Mirim, onde foi vice-artilheiro do Paulista, mas sem destaque no Rubro-Negro, quase foi emprestado para o Avaí em 2012. Porém, o centroavante continuou na Gávea e viveu grande fase no ano passado. Ele foi o jogador que mais fez gols no Brasil em 2013, após marcar 35 vezes, sendo artilheiro do Carioca (12 gols) e da Copa do Brasil (oito gols). O atacante acabou vendido esse ano para o Al Nassr, da Arábia Saudita