icons.title signature.placeholder Luiz Gustavo Moreira
07/02/2015
09:03

Ainda traumatizado com o gol sofrido no último lance da partida entre Botafogo e Volta Redonda, quarta-feira, no Raulino de Oliveira, que acabou empatada por 2 a 2, o técnico René Simões simulou situações parecidas com a que resultaram no gol de Magnum, de cabeça.

Na atividade, o treinador pediu que os jogadores tocassem a bola no campo de ataque, esfriando o 'jogo' e escondendo a bola, assim como pediu na entrevista após o jogo.

- Serve como um aprendizado. Aproveitamos isso no treino. Simulamos o que aconteceu lá (em Volta Redonda). Ganhando por 2 a 1, levantou a placa de acréscimos e o time teve que prender a bola. Durante dois minutos, o outro time não tocou na bola. Ganhamos laterais, escanteios... Viramos a bola no campo do adversário. E fizemos no nosso campo. Avisei que era para manter no campo do adversário - afirmou René.

Neste sábado, o Glorioso encara o Bonsucesso, às 17h, no Estádio Nilton Santos, na reabertura oficial do estádio.