icons.title signature.placeholder Bruno Andrade
18/07/2014
20:44

O departamento de marketing do Corinthians aguarda a venda do naming rights para iniciar o projeto de "envelopagem" da Arena Corinthians. Enquanto não fechar o novo nome do estádio, o clube não pretende realizar grandes mudanças visuais internas e, principalmente, na fachada.

O material gráfico da Fifa, usada durante a Copa do Mundo, incluindo painéis, banners e estruturas temporárias, como lojas e posto de informação, já foi retirado. O estádio corintiano recebeu seis partidas da competição, entre eles, a vitória do Brasil por 3 a 1 em cima da Croácia, logo na estreia.

Na última terça-feira, Andrés Sanchez, responsável pela Arena, viajou mais uma vez para Abu Dhabi (EAU) para tentar avançar na negociação do naming rights com os xeques. Uma das empresas interessadas em associar sua marca ao estádio é o Abu Dhabi Investiment Authority, que controla as empresas aéreas Emirates e Etihad.

A intenção do Corinthians é vender o nome da nova arena por R$ 400 milhões, com autorização de exploração do nome por 20 anos.

Enquanto Andrés segue em busca do comprador do naming rights, funcionários do marketing têm trabalhado na comercialização dos camarotes. Na última quinta-feira, eles levaram alguns representantes de empresas interessadas para acompanhar a vitória do Corinthians por 2 a 1 em cima do Internacional.