icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/07/2014
22:16

O Grêmio chegou ao quarto jogo sem vencer. A sequência, além do mais, tem também o quarto jogo sem marcar gol. Depois de 30 dias de trabalho, o técnico Enderson Moreira afirmou que o time gremista teve uma evolução, apesar do empate com o Goiás em 0 a 0, nesta quarta-feira, na Arena. O comandante, porém, viu uma evolução no jogo coletivo do Tricolor, mas admitiu uma ansiedade no momento da finalização.

A sequência é de quatro jogos sem marcar. O Grêmio não fez gol contra São Paulo, ao ser derrotado por 1 a 0, e nos empates com Sport e Palmeiras, antes da parada, por 0 a 0. Mesmo placar do duelo com o Goiás, na Arena.

- Falta a bola entrar. Pegou na trave, quase nas costas do Renan e em cima da linha, mas não entrou. Futebol não é ciência exata. Acabei de falar no vestiário, falei que ia acontecer de jogar mal e ganhar um jogo. Jogamos bem, criamos situações. Mas ainda detectamos um pouco de ansiedade no último passe e na hora da definição. Acho que a produção nossa foi boa. Criamos várias possibilidades. Mas tem o dia que a bola não é entra. Não é um detalhe, é a coisa mais importante, mas não pudemos fazer disso que está tudo errado. Não tenho dúvida que fomos merecedores de um outro resultado. Evidente que ninguém vai voltar voando, mas particularmente criamos, controlamos bem o jogo, mas evidente que precisamos fazer os gols - comentou o técnico gremista.

Depois que quase um mês de trabalhos táticos, Enderson afirmou que o time esteve melhor do que antes da parada, quando foi controlado diante do Palmeiras e do Sport, na avaliação do treinador. Além disso, também afirmou que não esperava que a equipe retornasse de um período longo de treinamentos jogando o melhor futebol do ano.

- Questão que vejo é que estamos dando passos importantes para o que entendo de futebol. Controlamos muito o jogo, contra o Palmeiras fomos controlados e contra o Sport fomos controlados. Controlamos o jogo quase completamente, 80%, 85% do jogo. Nosso time está criando situações, trocando bola. Com bons deslocamentos. crescemos neste quesito. Embora não tenhamos saído com a vitória, temos que evoluir nas finalizações, mas acho que o número de situações criadas foi consideravelmente maior do que nos últimos jogos, Foi um avanço - disse Enderson.