icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
10/03/2014
07:00

No São Paulo de Muricy Ramalho, é Maicon e mais dez. Foi isso o que o técnico deixou claro após a vitória do Tricolor por 3 a 2 no clássico contra o Corinthians. O comandante ironizou quem critica o volante e afirmou que o posto de titular é do camisa 18.

- Não entendo. Às vezes a gente ouve algumas coisas, até de vocês da imprensa, que entendem muito de futebol, que não gostam dele. Ele trata tão bem a bola, é o que mais se desgasta em campo, corre demais, é sempre o que tem índice mais alto nos quilômetros. Não sei se não entendo mais de futebol, no São Paulo tem gente que não gosta dele também. É estranho, porque é o que mais se dedica, corre em campo, toca. Enquanto eu estiver aqui, joga ele - declarou o comandante são-paulino.

No Majestoso, que terminou com vitória são-paulina por 3 a 2, Maicon foi peça-chave no esquema do São Paulo. Com quase 100% de aproveitamento no acerto de passes, ele cadencia o jogo e começa a maioria das jogadas. Cabe a ele auxiliar Ganso na armação.

Neste ano, Maicon disputou 11 jogos e ainda não marcou gol. São ao todo 125 partidas, com oito gols marcados pelo Tricolor. Ele chegou em 2012, após fazer um bom Campeonato Brasileiro pelo Figueirense.


Fim do Jejum! São Paulo vence o Corinthians no Pacaembu