icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
28/06/2014
08:30

Inaugurado no ano de 2012, o Guangxi Sports Center, local onde o Atlético-MG faz seu último amistoso na intertemporada, deixou os jogadores do Galo boquiabertos. Com capacidade para 60 mil torcedores, o local será palco da partida do time mineiro contra o Guangzhou Evergrande, nesta manhã de sábado. A estrutura que custou cerca de R$350 milhões chama a atenção desde o lado de fora, com o formato de duas asas.

- Já que o presidente (Alexandre Kalil) quer fazer um estádio, poderia fazer uma visita aqui. Tem uma belíssima estrutura. E ainda não tem time na primeira divisão, trazer o Atlético-MG para fazer uma temporada aqui. Com certeza, a gente conseguiria o título pela fragilidade do futebol daqui - brincou o lateral Marcos Rocha, citando também a falta de grandes potências do futebol na cidade de Nanning.

MAIS:
> Maluf comenta insistência do Galo em contar com Fernando
> Imprensa argentina cita interesse atleticano no volante Piatti

Diferente e superior a todos os outros adversários do Galo até o momento, na intertemporada, o Guangzhou Evergrande é o melhor time da China atualmente. Além de liderar o campeonato nacional, o clube já levantou a taça por três vezes no país. No último Mundial de Clubes, disputado no Marrocos, o Guangzhou travou um duelo difícil e equilibrado com o Atlético-MG, apesar da vitória alvinegra por 3 a 2.