icons.title signature.placeholder Marcelo Braga
29/12/2013
10:01

Além de buscar contratações, o departamento de futebol do Santos define a situação de jovens jogadores que não seguirão no clube. Nesse bolo, o caso de Pedro Castro é um dos que mais inspiram cuidados, já que o meia é visto com bom potencial de venda pela cúpula santista.

O negócio mudou nos últimos dias. Ao contrário do que chegou a ser divulgado, o Santos não receberá o valor de R$ 250 mil em compensação por cedê-lo ao Espanyol (ESP). Agora, o jogador será cedido sem custos ao clube da Catalunha.

O período de empréstimo também sofreu alteração. Aos 20 anos, ele ficará no rival do Barcelona por, inicialmente, somente seis meses – e não um ano, como na primeira tratativa. A partir daí, os espanhóis terão a prioridade da compra dos direitos dele, por 5 milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões).

Apesar de ver potencial no jogador, o Peixe entende que ele não terá muitas oportunidades na equipe em 2014. Recentemente o jovem renovou contrato até o fim de 2016.

Formado nas categorias de base do Santos, ele subiu para o time profissional ainda em 2012, com Muricy Ramalho, mas “desceu” ao sub-20 em diversas oportunidades. Pelos juniores, foi campeão paulista, da Copa São Paulo, como capitão da equipe, e da Copa do Brasil.

Procurado pelo LANCE!Net, o atleta não foi encontrado para conceder uma entrevista. De acordo com a sua assessoria de imprensa, ele curte férias no interior de Minas Gerais e se encontra incomunicável.