icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
03/11/2014
15:53

Se a fase dentro de campo é boa, nos bastidores o Fluminense enfrenta problemas para assegurar a permanência de alguns atletas. É o caso do zagueiro Gum, por exemplo. Em entrevista à Rádio Brasil, o empresário do jogador, Jorge Moraes, declarou que a situação de renovação contratual do defensor "está no zero", apesar das muitas reuniões com a diretoria.

- O meu relacionamento com o doutor Celso Barros, com a Unimed, com todos, é um relacionamento respeitoso. Não posso falar absolutamente nada em tudo que fizemos até hoje com eles e o Fluminense, com o Peter (Siemsen, presidente), Mário (Bittencourt, vice de futebol), Paulo Angioni (diretor de futebol). O relacionamento é excelente. Já tivemos umas dez reuniões e o processo está no zero. Isso deixa a gente um pouco chateado, porque está dentro do prazo para ser resolvido. Vamos aguardar um pouco mais, mas o processo está no zero - declarou.

A diretoria tricolor já afirmou por diversas vezes que as negociações serão feitas após o Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, a demora faz o agente colocar o nome de Gum disponível no mercado. A preferência, no entanto, segue sendo do Tricolor:

- É questão de mercado. O mercado brasileiro é muito conturbado pela crise de todos os clubes. Também é um momento hoje que tem oito clubes grandes tendo eleição esses dias agora. Complica também ao clube de ter uma decisão de mudança, de nova administração. Isso complica também um pouco o mercado. Tem clubes brigando por classificação para a Libertadores, o que muda a política de contratação. O Gum está no mercado. Havendo interesse, sei que o Gum é um jogador valorizado. Até hoje estamos dando a preferência ao Fluminense, mas o Gum está aberto ao mercado. Isso é sem problema.

Embora o processo de renovação ainda esteja estagnado, é sabido que o Fluminense tem interesse em manter Gum dentro do plantel. O zagueiro conta com prestígio junto a diretoria e boa parte da torcida. O futuro do atleta, provavelmente, será nas Laranjeiras.