icons.title signature.placeholder Renato Rodrigues
13/11/2013
23:44

E a onda de 0 a 0, 1 a 1 e outros placares iguais parece ter deixado o Parque São Jorge de vez. Supreendentemente mais ofensivo, o Corinthians foi até o Paraná na noite desta quarta-feira, e bateu o Coritiba por 1 a 0. O resultado leva o Timão à segunda vitória seguida - fato que não acontecia desde 1° de setembro, contra Luverdense e Flamengo - e mantém Tite & Cia. ainda com o sonho de Libertadores vivo. O gol de Guilherme garantiu o triunfo e deixou o Coxa mais perto da zona de rebaixamento.

Com o resultado, o time alvinegro ainda precisa de um milagre para chegar à competição continental. Além de ter que ganhar seus quatro jogos restantes, precisa torcer para que o Atlético-PR conquiste a Copa do Brasil em cima do Fla e o São Paulo não fique com o título da Copa Sul-Americana. O caneco do rival tiraria qualquer chance de o G4 virar um G5 - única possibilidade do Corinthians na tabela.

Os primeiros minutos no Couto Pereira já mostravam que o Timão queria mais. Com Pato e Sheik, em chutes perigosos, os paulistas quase abriram o placar. A marcação avançada, no entanto, durou poucos minutos e o chato jogo de se ver do Timão se arrastou durante o restante da etapa inicial.

Titular pela primeira vez desde que errou o bizarro pênalti contra o Grêmio, que custou a eliminação do Corinthians na Copa do Brasil, no último dia 23 de outubro, Pato fez bons 45 minutos. O camisa 7 se movimentou, chamou o jogo e criou jogadas importantes. Só faltou deixar o seu.

O Coxa, tímido para quem estava jogando dentro de casa e com o apoio da torcida, pouco fez. Foram alguns chutes e até jogadas no contra-ataque. Nada demais para quem precisa fugir do risco de rebaixamento.

Apesar dos seguidos erros, o Timão seguiu buscando mais a meta adversária que o Coritiba no início do segundo tempo. Os louros foram colhidos aos 19. Depois de falha grotesca da zaga paranaense, Romarinho rolou limpo para Guilherme. O volante, a lá Paulinho, bateu seco no canto. Foi o segundo gol dele nos últimos três jogos.

Mesmo com a pressão do time local até o finalzinho da partida, o Timão se segurou bem lá trás e garantiu mais três pontos. Será que agora embala de vez? É pagar para ver...

Próximos jogos

Na próxima rodada do Brasileirão, o Corinthians receberá o Vasco, no domingo, no Pacaembu, após mandar cinco partidas no interior de São Paulo. Já o Coxa enfrentará o Criciúma, no sábado, mais uma vez no Couto Pereira.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 0 x 1 CORINTHIANS

Local: estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data/Hora: 13/11/13, às 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Rafael da Silva Alves (RS)
Cartões amarelos: Coritiba (Willian, 40/1ºT), Corinthians (Pato, 21/2ºT)
Público/Renda: Não disponíveis

GOL: Guilherme, 19/2ºT (0-1).

CORITIBA: Vanderlei; Gil, Leandro Almeida, Luccas Claro e Carlinhos; Willian, Uelliton (Lincoln - 35/2ºT), Emerson Santos (Keirrison - 30/2ºT) e Alex; Deivid (Diogo - Intervalo) e Julio César - Técnico: Péricles Chamusca.

CORINTHIANS: Walter; Edenilson, Gil, Paulo André e Alessandro; Ralf e Guilherme; Romarinho (Rodriguinho - 37/2ºT), Danilo e Emerson Sheik (Ibson - 42/2ºT); Pato (Diego Macedo - 29/2ºT) - Técnico: Tite.