icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/06/2014
09:49

A seleção de Costa Rica vive um momento iluminado. Com vitórias sobre Uruguai e Itália, a equipe conseguiu uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo, além de eliminar a Inglaterra. E agora assiste a briga dos dois times que derrotou para conseguir a última vaga do Grupo D, considerado o Grupo da Morte. Tal feito deixou o técnico Jorge Luis Pinto extasiado.

- Esse é um momento histórico. Temos grandes jogadores, que são motivos de orgullho para o país. Temos um time organizado, com atitude e que honra a camisa. O povo pode comemorar, pois o time ama essa camisa e honra o povo - disse Pinto, após a vitória por 1 a 0 sobre a Itália, na sexta-feira, na Arena Pernambuco.

Ele ainda elogiou a atuação do time e garantiu que toda a seleção costarriquenha estava preparada para enfrentar a tetracampeã mundial de igual para igual:

- Estávamos muito preparados para o que a Itália poderia fazer. Trabalhamos muito e conseguimos mostrar em campo o trabalho que fizemos. Estávamos preocupados com a bola parada de Pirlo, mas evitamos esses tipos de jogada. Não é fácil manter a posse de bola e tirar a posse da Itália, que é um time muito guerreiro. Não é facil controlar Pirlo, Balotelli... Mas conseguimos.