icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
01/11/2014
23:35

Autor do primeiro gol do Corinthians na noite deste sábado, no empate por 2 a 2 com o Coritiba, Elias mandou a torcida se calar por meio de um gesto com o dedo na frente da boca. Alvo de críticas nos últimos protestos de torcidas organizadas no CT do Timão, o volante ainda discutiu com um torcedor presente nas arquibancadas logo após o término do jogo.

– O mesmo idiota que foi me xingar lá, veio aqui. Não representa o torcedor do Corinthains. Paga para xingar... A gente está tranquilo. Isso não me abala, porque o torcedor corintiano está com nós, vai nos apoiar até classificar para a Libertadores – disparou Elias, na saída do gramado.

Sobre o empate conquistado diante da torcida alvinegra, Elias lamentou o tropeço em Itaquera. Nem mesmo o gol de empate de Bruno Henrique aos 49 minutos do segundo tempo foi suficiente para "adocicar" o resultado.

– A gente começou a criar, tivemos inúmeras chances, conseguimos o empate. A gente sai de cabeça erguida, mas com o gosto amargo. Se tivéssemos entrado como entramos no segundo tempo... – analisou o volante, que marcou seu segundo gol em jogos oficiais nesta segunda passagem pelo clube alvinegro.

Com o empate, o Corinthians cai da quinta para a sétima posição na tabela do Campeonato Brasileiro, sendo ultrapassado por Fluminense e Grêmio. O Timão volta a campo no próximo domingo, contra o Santos, em Itaquera, pela 33ª rodada do torneio.