icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/11/2014
18:36

O Fluminense tem, para muitos, uma tabela fácil nesta sequência do Campeonato Brasileiro. Na prática, porém, a equipe de Cristovão Borges sofreu contra esses mesmos adversários no primeiro turno. De 15 pontos, conquistou cinco. Para Edson, não há como fazer cálculos para definir o quanto o time precisa para chegar na Libertadores.

- Não adianta fazer matemática e se frustrar, tem que pensar jogo a jogo, vitória por vitória. Vamos pensar por vitórias. Temos que ir degrau por degrau, porque só assim vamos conseguir o objetivo (de terminar a competição dentro do G4) - afirmou.

Segundo o volante, um gol no início do confronto pode ser decisivo para que o Tricolor saia do Maracanã, neste sábado, com a vitória diante do Botafogo. O rival ocupa a zona de rebaixamento e, de acordo com o camisa 19, pode se desequilibrar caso sofra um tento no começo.

- De todo jeito, eles têm que sair para o jogo, porque estão desesperados, lá embaixo da tabela. Se fizermos um gol no início vão ficar com mais pressão ainda. Temos também que pensar que o próprio Botafogo ganhou do Corinthians quando este estava em condição melhor na tabela 0 declarou, pregando respeito ao adversário.

Com objetivos distintos na tabela de classificação, tricolores e alvinegros se enfrentam neste sábado. Só a vitória interessa aos dois times.