icons.title signature.placeholder Rodrigo Vessoni e Walace Borges
25/11/2014
14:02

O lateral-direito Edilson, ex-Botafogo, pode ser o primeiro reforço do Corinthians para a próxima temporada. O jogador, que teve o contrato rescindido com o clube carioca unilateralmente a pedido do presidente Mauricio Assumpção no início de outubro, está treinando no CT Joaquim Grava para manter a forma. Segundo o LANCE!Net apurou, o Timão tem interesse nele, mas a contratação depende da avaliação do próximo treinador, já que Mano Menezes não deve continuar.

Edilson é paranaense de Nova Esperança e tem 28 anos. Ele defendeu o Bota em 2013 e 2014. Antes, havia atuado pelo Grêmio por três anos, incluindo uma temporada emprestado ao Atlético-PR. Ele começou a carreira no Avaí e passou ainda por Vitória, Atlético-MG, Ponte Preta e Joinville, entre outros clubes. Curiosamente, Edilson foi o segundo jogador a marcar um gol contra o Corinthians na Arena de Itaquera. Foi no empate por 1 a 1 contra o Botafogo, aos 41 minutos do segundo tempo (o primeiro foi o meia Giovanni Augusto, do Figueirense).

Ao mesmo tempo em que o novo técnico (Tite é o mais cotado) avalia a possibilidade de Edilson ser contratado, a diretoria corintiana negocia para manter o também lateral-direito Fagner, que pertence ao Wolfsburg (ALE) e está emprestado até o fim deste ano. O jogador disse que quer ficar no Timão e que está angustiado com a indefinição.

Além de Edilson, o Corinthians já cogitou ou cogita se reforçar com outros jogadores. Já foram citados o lateral-direito Fabiano e o atacante Leandro, da Chapecoense; os volantes Cristian, sem clube; Paulinho, do Tottenham (ING); Jonas, do Sampaio Corrêa; o meia Óscar Romero, do Cerro Porteño (PAR); e o atacante Dudu, emprestado ao Grêmio pelo Dinamo Kiev (UCR).