icons.title signature.placeholder Felipe Mendes, enviado especial*
icons.title signature.placeholder Felipe Mendes, enviado especial*
08/07/2013
04:56

O técnico de remo do Brasil, Fernando Campos de Mello, tinha declarado que uma medalha no dois sem masculino, na Universíade de Kazan, na Rússia, seria muito difícil. Nesta segunda-feira, Gabriel Moraes e Arthur Paula bem que se esforçaram, mas acabaram tornando realidade o discurso do treinador, e terminaram a final na quinta posição - eram seis finalistas.

No Rowing Center, a dupla brasileira passou em quinto nas três boias antes da linha de chegada. Moraes e Paula completaram os dois mil metros em 7m24s36. A medalha de ouro ficou com os russos Aleksandr Chaukin e Iurii Pshenichnikov (7m07s84). A prata foi para os ucranianos Anton Kholyaznykov e Viktor Grebennykov (7m08s60). Já o bronze foi conquistado pelos franceses Jean Noury e Hugo Laborde (7m18s14).

No single skiff peso leve feminino, Ana Pallassao ficou em nono lugar na classificação geral. A brasileira disputou a final B e chegou em terceiro, com o tempo de 8m33s76.

No tênis, João Wiesinger estreou com vitória sobre Ahmed Al Mahruqi, de Omã, na Tennis Academy. Campeão da Liga do Desporto Universitário, o brasileiro aplicou uma bicicleta no adverário ao vencer por 2 sets a 0, com um duplo 6-0. Quem também venceu foi Fernanda Chiaparini. Ela derrotou Mwenge Dimingo, de Zâmbia, por 2 sets a 0, parciais de 6-1 e 6-0.

Já Fabiana Chiaparani, irmã de Fernanda, foi eliminada da Universíade. Ela perdeu para a americana Sabrina Santamaria, por 2 sets a 0, parciais de 6-1 e 6-0.

* O repórter viaja a convite da CBDU

O técnico de remo do Brasil, Fernando Campos de Mello, tinha declarado que uma medalha no dois sem masculino, na Universíade de Kazan, na Rússia, seria muito difícil. Nesta segunda-feira, Gabriel Moraes e Arthur Paula bem que se esforçaram, mas acabaram tornando realidade o discurso do treinador, e terminaram a final na quinta posição - eram seis finalistas.

No Rowing Center, a dupla brasileira passou em quinto nas três boias antes da linha de chegada. Moraes e Paula completaram os dois mil metros em 7m24s36. A medalha de ouro ficou com os russos Aleksandr Chaukin e Iurii Pshenichnikov (7m07s84). A prata foi para os ucranianos Anton Kholyaznykov e Viktor Grebennykov (7m08s60). Já o bronze foi conquistado pelos franceses Jean Noury e Hugo Laborde (7m18s14).

No single skiff peso leve feminino, Ana Pallassao ficou em nono lugar na classificação geral. A brasileira disputou a final B e chegou em terceiro, com o tempo de 8m33s76.

No tênis, João Wiesinger estreou com vitória sobre Ahmed Al Mahruqi, de Omã, na Tennis Academy. Campeão da Liga do Desporto Universitário, o brasileiro aplicou uma bicicleta no adverário ao vencer por 2 sets a 0, com um duplo 6-0. Quem também venceu foi Fernanda Chiaparini. Ela derrotou Mwenge Dimingo, de Zâmbia, por 2 sets a 0, parciais de 6-1 e 6-0.

Já Fabiana Chiaparani, irmã de Fernanda, foi eliminada da Universíade. Ela perdeu para a americana Sabrina Santamaria, por 2 sets a 0, parciais de 6-1 e 6-0.

* O repórter viaja a convite da CBDU