icons.title signature.placeholder Matheus Babo
15/03/2014
09:37

Qual é o verdadeiro Fluminense nos clássicos? Os dois duelos contra rivais neste Campeonato Carioca deixaram os tricolores com essa dúvida na cabeça. Diante do Flamengo, os comandados de Renato Gaúcho conseguiram uma vitória sem questionamentos. Com uma atuação de gala do argentino Darío Conca, o Tricolor goleou o rubro-negro por 3 a 0. Já contra o Botafogo, uma atuação apática - analisada assim pelo próprio treinador - é a derrota por 3 a 0, deixou a torcida com a pulga atrás da orelha. No domingo, o tira-teima será definido contra o Vasco.

- Contra o Flamengo entramos em campo para jogar. Conseguimos jogar, fizemos uma belíssima partida e talvez a melhor do ano. Contra o Botafogo achamos que o gol ia cair do céu, não jogamos nada e merecemos a derrota. Botafogo foi superior a gente e ponto final. Temos que tirar esses dois jogos como exemplo. Quando entramos pra jogar, ganhamos. Quando entramos pra não jogar, perdemos - disse Renato.

E engana-se quem pensa que o clássico contra o Cruz-maltino não vale mais nada para as duas equipes. Mesmo com a classificação para às semifinais (a do Vasco está praticamente assegurada), o vencedor vai poder garantir a segunda colocação e ter a vantagem de dois empates na fase seguinte. Para a torcida e para o treinador tricolor, é importante que o Flu siga o exemplo do clássico em que saiu vencedor:

- Infelizmente, ou felizmente, as vezes tem que pegar o exemplo negativo e colocar na mesa. Temos os dois exemplos. Vamos procurar seguir o bom que foi contra o Flamengo. Vamos tentar jogar assim contra o Vasco.

Fred desperdiçou pênalti diante do Botafogo (Foto: Cleber Mendes/ LANCE!Press)