icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/11/2014
19:40

O Grupo D da Liga dos Campeões ficou perto de ser definido nesta terça-feira. Pela quarta rodada, Borussia Dortmund e Arsenal receberam, respectivamente, Galatasaray e Anderlercht. Os alemães superaram os turcos por 4 a 1 e garantiram sua classificação antecipada, enquanto os ingleses ficaram no 3 a 3 com os belgas após estarem vencendo por 3 a 0 e agora têm de esperar mais um pouco para carimbar a vaga.

Com os resultados, os aurinegros chegaram a 12 pontos e os Gunners a 7. O Gala ficou com um ponto e o Anderlecht foi a dois, permanecendo como único time capaz de tirar a vaga do Arsenal. Para isso, porém, os belgas têm que vencer Galatasaray e Dortmund e torcer para que os Gunners percam para os mesmos adversários.

DORTMUND "BIPOLAR"

O Borussia Dortmund segue com sua "bipolaridade" na temporada. Frequentando pela primeira vez em muitos anos a zona de rebaixamento da Bundesliga, o atual vice-campeão alemão segue com campanha irrepreensível na Champions - são quatro vitórias em quatro jogos. A vítima, de novo, foi o Galatasaray e o time alemão não economizou nos gols de novo: na Turquia foram quatro na goleada de 4 a 0, mas desta vez os aurinegros sofreram um gol.

Os gols de Reus e Sokratis, um em cada tempo, acabaram com a resistência do Galatasaray, que novamente teve problemas com o comportamento de sua torcida. Felipe Melo tomou à frente e pediu para os torcedores se acalmarem e parassem com os sinalizadores para que a partida pudesse continuar. O Gala chegou a diminuir com Balta, mas acabou levando mais dois, com Immobile e Kaya (contra).


Sánchez novamente foi o destaque do Arsenal em campo, mas time deu mole (Foto: Adrian Dennis/AFP)


ARSENAL RECEBE O TROCO

Ao contrário da "ida", quando precisou de Gibbs e Podolski para virar sobre o Anderlecht no final, em casa o Arsenal chegou a estar goleando os belgas, por 3 a 0, mas tomou o empate no fim, em momento parecido com o do último jogo, quando virou nos acréscimos. Arteta, Sánchez e Oxlade-Chamberlain fizeram para os Gunners, com Vanden Borre (2) e Mitrovic marcando para o Anderlecht.

Esta poderia ser a 12ª vez seguida que o Arsenal se classifica para as oitavas de final da Champions. No novo formato, em que há apenas uma fase de grupos no torneio europeu, os Gunners nunca ficaram fora da fase mata-mata. Para que a marca se mantenha por mais um ano, o Arsenal precisa vencer o já classificado Dortmund na próxima rodada, sem depender de nenhum outro resultado.