icons.title signature.placeholder RADAR/RNL - O Liberal (PA)
05/02/2015
19:58

No último domingo, o Parauapebas mal tinha um elenco para montar a delegação que veio a Belém. No fim, 2 a 1 sobre o Remo em pleno Mangueirão. Ontem à noite, em Tucuruí, o Independente só conseguiu entrar em campo porque um dia antes conseguiu regularizar quase metade do elenco. No fim, 1 a 0 sobre o Remo, no Navegantão. Depois de quase 30 dias de pré-temporada, o Leão Azul começou o Campeonato Paraense com duas derrotas em duas rodadas. Como a fase classificatória do primeiro turno tem apenas quatro jogos e o Leão Azul já disputou metade deles, sem somar nenhum ponto, as chances de ir para a semifinal já são diminutas, ainda mais levando em consideração que os concorrentes jogaram apenas uma vez. Se o Pebas e o Galo Elétrico vencerem mais uma partida, ficam com a “faca e o queijo” nas mãos.

Domingo, o adversário será o Rio Branco-AC, em jogo válido pela primeira fase da Copa Verde. Pelo Parazão, o Remo vai “folgar” na terceira rodada e só volta a campo no dia 19 deste mês, contra o São Francisco, no Colosso do Tapajós.

Nesta quinta-feira, quem entrará em campo é o Paysandu. A partir das 20h30, vai encarar o Tapajós, em Santarém, em jogo válido pela segunda rodada. Embora atue como visitante, o Papão lidera o seu grupo e que ser manter como tal, a despeito das evidentes dificuldades, já que o time é muito mudado em relação àquele de 2014. Mas, ao menos, mostra maior eficiência do que o seu arquirrival