icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
01/02/2015
15:49

Em coletiva de imprensa após sua quinta conquista no Aberto da Austrália, neste domingo, Novak Djokovic foi perguntado se trocaria um ou duas dessas conquistas por seu primeiro Roland Garros. O sérvio desconversou, mas reforçou seu desejo por levantar o único Major que não possui.



"Há! Não me pergunte isso aqui (risos). Acredito fortemente que tudo acontece por uma razão na vida. E não fico perdendo energia pensando nisso nos 'ses'. Por alguma razão venci cinco vezes e e não triunfei em Roland Garros ainda. Mas vou seguir me puxando ,trabalhando e acreditando que posso (vencer Roland Garros). Pelo menos uma vez, até minha carreira acabar", disse o sérvio que foi vice-campeão em 2014 e 2012 perdendo ambas para Rafael Nadal e parando nas semis em 2011 para Roger Federer e 2013 para o espanhol.

Ele soma oito Grand Slams. Além das cinco conquistas na Austrália possui duas em Wimbledon e uma no US Open.