icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/06/2014
16:38

A disputa pela artilharia continua nessa Copa de muitos gols. Como não podia deixar de ser Messi e Neymar lideram a lista com quatro gols cada, além do alemão Thomas Müller que também tem quatro tentos na Copa das Copas. Cada jogador marcou quatro gols em três partidas. O astro brasileiro jogou 256 minutos, nove minutos a mais que o hermano Messi, enquanto Muller foi o único que disputou todos as partidas até o fim. Nessa edição da Copa, que se destaca pela grande quantidade de gols, é provável que o artilheiro ultrapasse a marca de 2010. Na África do Sul, Forlan, Villa, Muller e Sneijder fizeram somente cinco gols cada em toda edição do torneio.

Por enquanto Neymar assinalou 57% dos sete gols da seleção canarinha, enquanto Messi fez 67% dos seis do time comandado por Alejandro Sabella. A ‘Pulga' deixou sua marca nas três partidas - Bósnia, Irã e Nigéria. Já Neymar passou em branco contra o México e marcou contra Croácia e Camarões. A estrela da Argentina chutou 14 vezes ao gol do inimigo, três a mais que Neymar, que mostrou melhor pontaria - 8 a 5.

No quesito bolas perdidas, o brasileiro levou a melhor, Messi perdeu 33 vezes a pelota enquanto Neymar somente 22. Neymar deu 124 passes, sendo 74,2% certos, e Messi 149, tendo 81,9% de aproveitamento. O brasileiro percorreu 27,3km nos três jogos, contra 22,3km do argentino. Em matéria de dribles, ficou 18 a 17 para Messi. Os cruzamentos certos ficou 18 a 9 para Neymar. O moicano recebeu mais faltas, 9, enquanto Messi sofreu somente 6.

Até agora Neymar já alcançou a marca do Ronaldo na Copa de 2002, quando marcou quatro gols na primeira fase do torneio. O craque da camisa 10 pode se tornar, em seu primeiro mundial, o quarto jogador brasileiro a alcançar a artilharia da competição. Leônidas da Silva marcou sete vezes na Copa de 1938 na França após cinco partidas. Já no mundial do Brasil em 1950, Ademir de Menezes balançou a rede em nove oportunidades. E Ronaldo foi o último a conseguir o feito tendo marcado oito gols em 2002.

Até agora Neymar já marcou 35 gols em 52 partidas vestindo a camisa da seleção brasileira. Estando atrás somente do Bebeto(39), Zico(48), Romário(55), Ronaldo(62) e Pelé(77). Mesmo essa Copa estando marcada por grandes goleadas dificilmente Neymar, Messi e Muller vão alcançar Just Fontaine. O mito Fontaine é o terceiro maior artilheiro de todas as Copas, com 13 gols. Um dos maiores jogadores da história da França, é até hoje o maior artilheiro em uma única Copa do Mundo, com os 13 gols marcados na Copa da Suécia, em 1958. Fica difícil para os craques de hoje, mas como a Copa no Brasil despertou a voracidade goleadora dos atacantes, nada é impossível.