icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder RADAR / LANCEPRESS!
24/08/2015
18:10

Ao menos por enquanto, a oscilação do Cruzeiro no Brasileirão não deve trazer mudanças no comando celeste. No dia seguinte à derrota por 3 a 0 para o Corinthians, o diretor de futebol, Isaías Tinoco, "bancou" a permanência de Vanderlei Luxemburgo como treinador, e avaliou que o trabalho vem ocorrendo 'de forma próspera':

- A torcida cobra com razão, pois as coisas não vêm acontecendo, mas temos a certeza de que o trabalho está indo de forma próspera. Acredito que nos próximos dias coisas acontecerão. O Vanderlei (Luxemburgo) é o nosso técnico, e espero que a torcida nos apoie na quarta-feira.

Tinoco destacou que a Raposa convive com um processo de reformulação em seu futebol, e frisou a dificuldade de iniciar um trabalho durante a temporada. Porém, o dirigente reconheceu que o duelo com o Palmeiras, nesta quarta-feira, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, será crucial para a equipe:

- O Cruzeiro passou por uma fase de transição intensa. Quando falo que o caminho está certo, é porque a avaliação não é pautada apenas em resultados. O time vem crescendo. O elenco, já o encontramos definido. Os jogadores terão grande apoio, e a missão de reverter esse quadro já na quarta-feira. É fundamental reverter o quadro já na quarta-feira.

O diretor de futebol afirmou que o sentimento dos jogadores do Cruzeiro indica que a equipe se desdobrará diante do Palmeiras:

- Os jogadores estão envergonhados, chateados, cabisbaixos. São chefes de família, e sabem que encontrarão outros clubes no Brasil com estrutura que Cruzeiro proporciona. Esse sentimento que me dá certeza de que as coisas vão mudar. Quando sinto que o jogador está chateado,  com o mesmo sentimento do torcedor, vem a certeza de que próximo time (referindo-se ao Palmeiras) é que pagará a conta.

Isaías Tinoco descartou escolher uma competição como prioridade do Cruzeiro para a sequência da temporada. E exigiu um planejamento com calma na equipe:

- Vamos passo a passo. Uma entidade como o Cruzeiro, tão forte e firme, tem prioridade em todas as competições que entra. Campeonato Mineiro é prioritário. Brasileiro e Libertadores são prioritários. Qualquer campeonato é prioritário. Temos de mensurar. Passo a passo. Ganhar do Palmeiras. Passo a passo.

 

Ao menos por enquanto, a oscilação do Cruzeiro no Brasileirão não deve trazer mudanças no comando celeste. No dia seguinte à derrota por 3 a 0 para o Corinthians, o diretor de futebol, Isaías Tinoco, "bancou" a permanência de Vanderlei Luxemburgo como treinador, e avaliou que o trabalho vem ocorrendo 'de forma próspera':

- A torcida cobra com razão, pois as coisas não vêm acontecendo, mas temos a certeza de que o trabalho está indo de forma próspera. Acredito que nos próximos dias coisas acontecerão. O Vanderlei (Luxemburgo) é o nosso técnico, e espero que a torcida nos apoie na quarta-feira.

Tinoco destacou que a Raposa convive com um processo de reformulação em seu futebol, e frisou a dificuldade de iniciar um trabalho durante a temporada. Porém, o dirigente reconheceu que o duelo com o Palmeiras, nesta quarta-feira, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, será crucial para a equipe:

- O Cruzeiro passou por uma fase de transição intensa. Quando falo que o caminho está certo, é porque a avaliação não é pautada apenas em resultados. O time vem crescendo. O elenco, já o encontramos definido. Os jogadores terão grande apoio, e a missão de reverter esse quadro já na quarta-feira. É fundamental reverter o quadro já na quarta-feira.

O diretor de futebol afirmou que o sentimento dos jogadores do Cruzeiro indica que a equipe se desdobrará diante do Palmeiras:

- Os jogadores estão envergonhados, chateados, cabisbaixos. São chefes de família, e sabem que encontrarão outros clubes no Brasil com estrutura que Cruzeiro proporciona. Esse sentimento que me dá certeza de que as coisas vão mudar. Quando sinto que o jogador está chateado,  com o mesmo sentimento do torcedor, vem a certeza de que próximo time (referindo-se ao Palmeiras) é que pagará a conta.

Isaías Tinoco descartou escolher uma competição como prioridade do Cruzeiro para a sequência da temporada. E exigiu um planejamento com calma na equipe:

- Vamos passo a passo. Uma entidade como o Cruzeiro, tão forte e firme, tem prioridade em todas as competições que entra. Campeonato Mineiro é prioritário. Brasileiro e Libertadores são prioritários. Qualquer campeonato é prioritário. Temos de mensurar. Passo a passo. Ganhar do Palmeiras. Passo a passo.