icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/06/2014
21:02

Os dias de Luis Suárez como jogador do Liverpool (ING) podem estar prestes a acabar. De acordo com o jornal Daily Mirror, a direção de futebol dos Reds se reunirá com o técnico Brendan Rodgers, na quinta-feira, para decidir o futuro do uruguaio, motivados pelo segundo caso de mordida dele como atleta da equipe.

O clube só irá se pronunciar após a Fifa revelar qual será a punição ao atacante. Existe o temor de que ele receba uma suspensão pesada que o deixe fora de parte da temporada europeia, assim como quando mordeu Ivanovic num clássico com o Chelsea na temporada 2012/2013 e foi suspenso por dez partidas.

Suárez foi o artilheiro da Premier League na última temporada, com 31 gols. E isso chamou a atenção de Real Madrid e Barcelona, que estariam dispostos a pagar até 80 milhões de euros (R$ 240 milhões) pelos serviços do uruguaio. Mas, após a nova polêmica, o interesse dos gigantes espanhóis teria esfriado.