icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
15/11/2013
19:34

No jogo mais esperado dessa repescagem das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo, entre Portugal e Suécia, melhor para Cristiano Ronaldo em relação a Ibrahimovic. Nenhum deles foi brilhante. Porém, o astro do Real Madrid foi premiado por sua maior busca pelo jogo e marcou o gol da vitória por 1 a 0 nesta sexta-feira, no Estádio da Luz, em Lisboa.

A partida de volta será na próxima terça-feira, na Friends Arena, em Solna. O gol fora de casa é critério de desempate. Logo, se Portugal marcar alguma vez, a Suécia vai precisar vencer por pelo menos dois de diferença dentro de sua casa.

O JOGO
Paulo Bento foi conservador e seguro, e optou por lançar o time que todo português conhece há muito tempo. Mesmo com Cristiano Ronaldo muito marcado, Nani, João Moutinho, Raul Meireles e Hélder Postiga exerceram pressão nos primeiros minutos e chegaram a dar trabalho para a Suécia, que veio bem fechado e com a proposta de estudar como os lusitanos viriam.

Mas com o seu camisa 7 muito bem marcado e com os outros jogadores sem serem muito efetivos, chances reais foram raras. A melhor foi mesmo no princípio, quando Moutinho recebeu de Meireles, driblou Isaksson, mas chutou para fora.

Quando viu que poderia ter mais liberdade na partida, a Suécia foi para cima, e teve pelo menos três chances. Kallstrom, Kacaniklic e Elmander foram os mais efetivos. Logo aos cinco, este último alcançou cruzamento de Lustig e não marcou por muito pouco. As melhores vieram com o primeiro dessa lista, que chutou, mas Rui Patrício defendeu bem, e Larsson, em cobrança de falta.

Ibrahimovic ficou apagado durante o jogo todo (Foto: Miguel Riopa/ AFP)

SEGUNDO TEMPO
Na etapa final, Portugal voltou um pouco mais agressivo, e a Suécia um pouco mais atrás. Porém, com os astros ainda sumidos. Na verdade, a tônica foi quase a mesma. A equipe de Ronaldo com muito mais posse, até arriscando-se um pouco mais, com chutes de Nani, Raul Meireles, mas nada que incomodasse muito o goleiro Isaksson.

Se no primeiro a Suécia assustava, cansou depois e pouco fez. O resultado já lhe parecia conveniente. Na parte final, Ronaldo centralizou, buscou mais o jogo, mostrou nervosismo, até deixou o pé em Isaksson em um lance. Acabou que essa estratégia deu certo, mesmo com a presença do grandalhão Hugo Almeida em campo. Miguel Veloso recuperou bola na esquerda, cruzou, e o craque do Real Madrid foi mais rápido que Martin Olsson para cabecear e abrir o placar.

Os lusitanos ainda buscaram muito o segundo gol, mas vai para a Suécia com um resultado magro.

O craque também reclamou bastante (Foto: Francisco Leong/ AFP)

FICHA TÉCNICA
PORTUGAL 1X0 SUÉCIA

Local: Estádio da Luz, Lisboa (POR)
Data-Hora: 15/11/2013, às 17h45 (de Brasília)
Árbitro: Nicolo Rizzoli (ITA)
Auxiliares: Renato Faverani (ITA) e Andrea Stefani (ITA)

Gols: Cristiano Ronaldo (35'/2ºT)

Cartões amarelos: João Pereira (POR), Larsson (SUE), Cristiano Ronaldo (POR), Elmander (SUE)
Cartões vermelhos:

PORTUGAL: Rui Patricio, João Pereira, Pepe, Bruno Alves e Fábio Coentrão; Miguel Veloso, Raul Meireles (Josué, 31'/2ºT) e João Moutinho; Nani, Cristiano Ronaldo e Hélder Postiga (Hugo Almeida, 21'/2ºT). Técnico: Paulo Bento
SUÉCIA: Isaksson, Lustig, Nilsson, Antonsson e Martin Olsson; Larsson, Elm (Wernbloom, 26'/2ºT), Kallstrom (Svensson, 31'/2ºT) e Kacaniklic; Elmander (Gerndt, 40'/2ºT) e Ibrahimovic. Técnico: Eric Hamrén