icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/07/2013
17:31

Borussia Dortmund e Bayern de Munique decidem, neste sábado, às 15h30 (de Brasília), a Supercopa da Alemanha e abrem a temporada 2013/2014 do futebol local. O encontro será a reedição da final da última Liga dos Campeões e marca a estreia de Guardiola no comando bávaro em uma partida oficial.

O confronto será marcado por problemas médicos em ambas as equipes. Pelo lado bávaro, Guardiola ganhou dois problemas de última hora: Neuer e Ribéry, com lesões leves, foram poupados e estão fora. Além deles, Götze (ex-Dortmund) segue se recuperando de um estiramento muscular na coxa e também está vetado. Já Schweinsteiger viajou com a delegação, mas é dúvida.

Caso o volante não atue ou comece no banco, o lateral Lahm novamente será escalado no meio de campo. O capitão do Bayern não vê problemas em atuar fora da sua posição de origem.

- Atualmente, estou jogando em uma posição diferente. É normal se enquadrar ocasionalmente nesse tipo de situação. No entanto, minha maior força segue ainda sendo na lateral direita. No meio de campo existem, dentro do elenco, opções de qualidade - declarou.

No lado do Dortmund também há problemas. O recém-contratato armênio Mkhitaryan ainda não está liberado para estrear. O jogador tem um estiramento muscular na coxa. Outra mudança pode ser na lateral direita, com Papastathopoulos começando como titular na vaga de Piszczek. Derrotado na final de Wembley e atual vice-campeão alemão, o técnico Jürgen Klopp rechaçou um clima de revanche no duelo.

- Não há um sentimento de vingança para esse jogo. Perdemos a final da Liga dos Campeões, mas aprendemos muito naquele confronto. Certamente faremos o possível para vencer essa final. É nossa terceira final seguida e não vencemos nos últimos dois anos - declarou.

Bayern e Borussia fazem a final da Supercopa da Alemanha

Borussia Dortmund e Bayern de Munique decidem, neste sábado, às 15h30 (de Brasília), a Supercopa da Alemanha e abrem a temporada 2013/2014 do futebol local. O encontro será a reedição da final da última Liga dos Campeões e marca a estreia de Guardiola no comando bávaro em uma partida oficial.

O confronto será marcado por problemas médicos em ambas as equipes. Pelo lado bávaro, Guardiola ganhou dois problemas de última hora: Neuer e Ribéry, com lesões leves, foram poupados e estão fora. Além deles, Götze (ex-Dortmund) segue se recuperando de um estiramento muscular na coxa e também está vetado. Já Schweinsteiger viajou com a delegação, mas é dúvida.

Caso o volante não atue ou comece no banco, o lateral Lahm novamente será escalado no meio de campo. O capitão do Bayern não vê problemas em atuar fora da sua posição de origem.

- Atualmente, estou jogando em uma posição diferente. É normal se enquadrar ocasionalmente nesse tipo de situação. No entanto, minha maior força segue ainda sendo na lateral direita. No meio de campo existem, dentro do elenco, opções de qualidade - declarou.

No lado do Dortmund também há problemas. O recém-contratato armênio Mkhitaryan ainda não está liberado para estrear. O jogador tem um estiramento muscular na coxa. Outra mudança pode ser na lateral direita, com Papastathopoulos começando como titular na vaga de Piszczek. Derrotado na final de Wembley e atual vice-campeão alemão, o técnico Jürgen Klopp rechaçou um clima de revanche no duelo.

- Não há um sentimento de vingança para esse jogo. Perdemos a final da Liga dos Campeões, mas aprendemos muito naquele confronto. Certamente faremos o possível para vencer essa final. É nossa terceira final seguida e não vencemos nos últimos dois anos - declarou.

Bayern e Borussia fazem a final da Supercopa da Alemanha