icons.title signature.placeholder Rodrigo Vessoni
23/06/2014
12:37

Primeiro foi Dí Maria, que rebateu as críticas da imprensa argentina pelo desempenho da seleção contra o Irã no Mineirão. Agora, a esposa do meia-atacante do Real Madrid resolveu comprar a briga e fez o mesmo em seu perfil no Instagram.

Jorgelina Cardoso não perdoou os jornalistas argentinos pela maneira que trataram a vitória magra sobre os asiáticos, que foi conseguida apenas nos acréscimos, após um lindo chute de Lionel Messi. Uma foto do marido abraçado ao camisa 10 e o desabafo:

- O futebol não se estuda, o futebol se sente e se GANHA. Jornalistas que, em vez de bancar a seleção, apenas a matam "por não jogar bem" porque não se deixam se f***. Parecem jornalistas nascidos em outros países. A única coisa que importa é ganhar, COMO SEJA! Por acaso, se jogassem muito bem uma partida, mas perdessem por má sorte, vocês estariam aplaudindo? Hipócritas". Depois são os primeiros a dizer "orgulho argentino" e a gritar os gols como desenfreados. ARGENTINA, TE BANCO ATÉ MORRER! Aparentemente, poucos valorizam os seis pontos de duas partidas. E aos mal educados que insultam por trás de um teclado, porque não assistem Discovery em vez do Mundial? - escreveu.

A Argentina volta a jogar nesta qurta-feira, contra a Nigéria, às 13h, no Beira-Rio, em Porto Alegre.