icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
17/04/2014
09:59

A derrota na final da Copa do Rei por 2 a 1 para o Real Madrid foi a terceira consecutiva do Barcelona. Uma sequência negativa que não era registrada no time catalão há 11 anos. A última vez que isso havia ocorrido foi entre janeiro e fevereiro de 2003.

Naquela ocasião, em três jogos válidos pelo Campeonato Espanhol, o Barcelona perdeu para o Valencia, em casa, por 4 a 2, e para o Celta de Vigo por 2 a 0, fora, com um dos gols sendo marcado pelo brasileiro Silvinho. Este resultado causou a demissão do técnico Louis Van Gaal. O interino Toño de la Cruz dirigiu o time em um jogo: derrota para o Atlético de Madrid, fora de casa, por 3 a 0. O sérvio Radomir Antic assumiria a equipe na sequência.

Para encontrar uma sequência pior, deve-se voltar um pouco mais no tempo. Em abril de 2000, o time perdeu quatro jogos seguidos. Primeiro perdeu para o Chelsea, no jogo de ida das quartas de final da Liga dos Campeões, por 3 a 1, em Londres, depois perdeu em casa para o Mallorca por 3 a 0, com três gols de Eto'o, pelo Campeonato Espanhol, levou outro 3 a 0 do Atlético de Madrid, fora, pela ida das semifinais da Copa do Rei, e mais um 3 a 0 do Oviedo, como visitante, pelo Espanhol.

A próxima partida do Barcelona atual será contra o Athletic Bilbao, pelo Campeonato Espanhol, no próximo domingo, no Camp Nou. Será a vez da equipe dirigida por Tata Martino igualar a marca negativa?