icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
31/07/2013
16:50

O atacante Deivid, do Coritiba, que sofreu uma entorse no joelho direito em coletivo realizado na última quinta-feira, no CT da Graciosa, corre contra o tempo para voltar aos gramados antes das três semanas de tratamento estipuladas pelos médicos do clube.

O camisa 9 realizou tratamento em dois períodos, inclusive no fim de semana, e promete intensificar ainda mais o trabalho sob a supervisão dos fisioterapeutas do Alviverde.

- No dia da contusão, senti uma dor forte e fiquei preocupado. Felizmente o exame apontou que não foi nada de mais grave, e os médicos disseram que em três semanas eu poderia voltar. Estou tratando em dois períodos, em alguns dias até três, e espero ficar à disposição antes mesmo desse prazo - disse o atleta, que, sem poder atuar, continua acompanhando os jogos da equipe:

- Estarei na torcida diante da Ponte Preta.

O Coxa, desfalcado de Deivid, enfrenta a Macaca nesta quarta-feira, às 21h, no Couto Pereira, para tentar retomar a liderança do Campeonato Brasileiro.

O atacante Deivid, do Coritiba, que sofreu uma entorse no joelho direito em coletivo realizado na última quinta-feira, no CT da Graciosa, corre contra o tempo para voltar aos gramados antes das três semanas de tratamento estipuladas pelos médicos do clube.

O camisa 9 realizou tratamento em dois períodos, inclusive no fim de semana, e promete intensificar ainda mais o trabalho sob a supervisão dos fisioterapeutas do Alviverde.

- No dia da contusão, senti uma dor forte e fiquei preocupado. Felizmente o exame apontou que não foi nada de mais grave, e os médicos disseram que em três semanas eu poderia voltar. Estou tratando em dois períodos, em alguns dias até três, e espero ficar à disposição antes mesmo desse prazo - disse o atleta, que, sem poder atuar, continua acompanhando os jogos da equipe:

- Estarei na torcida diante da Ponte Preta.

O Coxa, desfalcado de Deivid, enfrenta a Macaca nesta quarta-feira, às 21h, no Couto Pereira, para tentar retomar a liderança do Campeonato Brasileiro.