icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/04/2014
20:14

O Sport trocou o experiente técnico Geninho pelo jovem Eduardo Baptista, filho de Nelsinho Baptista, e conseguiu o título da Copa do Nordeste de 2014. Além disso, a equipe rubro-negra ainda pode erguer a taça do Campeonato Pernambucano na próxima quarta-feira, se vencer o Náutico. Antes, entretanto, o Sport estreia no Campeonato Brasileiro enfrentando o Santos, uma das equipes mais badaladas dos primeiros meses do ano, mas que não atingiu o título do Paulistão.

Apesar de ter tido o melhor ataque de toda a primeira fase e ter coroado a campanha com várias goleadas, o Peixe bobeou na fase decisiva do Estadual e acabou sendo derrotado pelo modesto Ituano. Classificado na Copa do Brasil no último meio de semana, o Peixe abre o Campeonato Brasileiro pensando no título, e enaltecendo a campanha pré-finais.

- Toda vez que eu vou começar um Brasileiro, sempre vejo 12 ou 13 equipes em condições de título, diferente dos mais badalados do mundo, que são duas ou três forças e sabemos que não tem erro. Admitimos o Santos como favorito pela tradição, e pelo que fez no Paulista - aposta o técnico Oswaldo de Oliveira, que garante ter apagado a frustração do vice do Paulistão.

Para a primeira rodada do Campeonato Brasileiro, competição em que não briga pelo título desde 2007, o Santos terá apenas os desfalques de Edu Dracena e Gustavo Henrique, que romperam ligamentos dos joelhos e só retornam após a Copa do Mundo, e Rildo, que se lesionou na decisão do Paulista e está sendo avaliado pelo departamento médico do Peixe.

O treinador comandou treino fechado neste sábado e não confirmou sua escalação, mas a única dúvida está entre Gabriel e Alan Santos. Nesta partida, inclusive, o Santos estreará sua nova numeração fixa, e terá a defesa "remendada", com David Braz vestindo a 14, Neto a 28 e Mena a 15.

Já o Sport, que decide o Pernambucano no meio de semana, não poderá contar com Ailton, poupado por desgaste físico. Com isso, Renan Oliveira assume a posição no meio de campo. Outra dúvida é com relação a Wendel, pois Eduardo Baptista deseja aumentar o poder de marcação de sua equipe e estuda a utilização de Danilo. O atacante Felipe Azevedo, com passagem pelo Santos em 2009, diz o que espera do confronto.

- O Santos perdeu o Estadual mas está bem, é forte candidato ao título. E contra eles você precisa marcar mesmo, temos que ir com o intuito de marcar bem, pois se deixar o mínimo de espaço eles vão criar chance. Vamos buscar isso lá, é importante entrar no Brasileiro pensando em conquistar algo grande - explica o atacante de uma equipe escalada com três volantes.

FICHA TÉCNICA
SANTOS x SPORT

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data/Hora: 20/4/2014, às 18h30
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia e Silbert Faria Sisquim (ambos do RJ)

SANTOS: Aranha; Cicinho, Neto, David Braz e Mena; Arouca, Cícero e Gabriel (Alan Santos); Geuvânio, Thiago Ribeiro e Leandro Damião. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

SPORT: Magrão; Patric, Ferron, Durval e Renê; Rodrigo Mancha, Éwerton Páscoa, Wendel (Danilo) e Renan Oliveira; Felipe Azevedo e Neto Baiano. Técnico: Eduardo Baptista.