icons.title signature.placeholder RADAR/LANCEPRESS!
15/02/2015
11:17

Valdívia garantiu o sucesso da jornada de pré-estreia do Inter na Libertadores. No último sábado, ele protagonizou a vitória vermelha diante do Caxias fora de casa, em apresentação final antes da largada no torneio sul-americano. Pela segunda vez como titular na temporada, o meia-atacante de 20 anos decidiu a partida já nos descontos, aos 46 minutos, em cabeceio que superou o goleiro grená e deu à equipe mais três pontos na tabela do Estadual - o Colorado soma nove após cinco rodadas, com duas vitórias e três empates.

‭– Percebi que o Luque ia cruzar e “fechei” na segunda trave. A bola veio rápida, quicou e ficou mais baixa. Minha opção era dar o peixinho e torcer pra ela entrar. Quando vi que ultrapassou a linha, foi só alegria. Comemoramos bastante pela importância da vitória e também porque teve um sabor especial, já que lutamos até o fim e conseguimos o objetivo – afirmou o camisa 29 após o 2 a 1 no estádio Centenário, em Caxias do Sul.

‭Há uma semana, Valdívia já havia participado entre os 11 do primeiro triunfo vermelho no Gauchão 2015: 1 a 0 sobre o Novo Hamburgo no Beira-Rio. Nesta segunda-feira à tarde, o jogador segue viagem com a delegação rumo à Bolivía, onde o Inter inicia a busca pelo tri da América. Em La Paz, o time gaúcho abre o Grupo 4 da Libertadores diante do The Strongest a partir das 22h30 de terça (17).

‭– A gente sabe da dificuldade de jogar na altitude, ainda mais em começo de temporada. Mas não podemos ficar pensando nisso, e sim numa largada positiva na competição. Fizemos uma boa preparação e temos qualidade de sobra no grupo para voltar de lá com um bom resultado – completou o atleta.

‭Valdívia integra o grupo profissional desde o segundo semestre de 2013, quando estreou no Brasileirão. Antes, atuara nas categorias de base por um ano e meio. Chegou ao clube contratado ao Rondonópolis (MT), pelo qual tornou-se artilheiro da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2012. Na última temporada, fez quatro assistências e três gols - dois deles, contra Fluminense e Palmeiras, contribuíram diretamente para a classificação direta à Libertadores. Com contrato até o final de 2018, o meia já defendeu a camisa colorada em 46 oportunidades.