icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/11/2013
10:08

Internacional e Coritiba estão entre os times que decepcionaram ao longo do Campeonato Brasileiro. O duelo entre ambos na 36ª rodada da competição é melancólico. O Colorado precisa eliminar um risco mínimo de rebaixamento. Já o Coxa integra a zona do rebaixamento. A partir das 19h30 (de Brasília) deste domingo, no Centenário, a bola vai rolar em Caxias do Sul, em jogo que terá transmissão em tempo real do LANCE!Net. Quem vai amenizar a situação?

O Internacional iniciou o Brasileirão cotado como um dos candidatos ao título. Tinha levado o Campeonato Gaúcho com sobras e apresentava um bom futebol.  A janela de transferências internacionais se fechou, e chegaram ao Colorado, que já tinha contratado Jorge Henrique, jogadores como Alex e Scocco. O time, na teoria, era um dos melhores da competição. Só que o desempenho deixou a desejar, Dunga foi demitido, Clemer assumiu e o flerte com o G4 não foi possível. Hoje, a meta colorada e eliminar de vez a chance de rebaixamento, que é de 1%.

Sobram novidades no Internacional que entrará em campo na Serra Gaúcha. No sistema defensivo são três: o zagueiro Jackson seria improvisado na lateral direita, mas, com um desconforto na coxa direita, virou desfalque. Como Gabriel e Cláudio Winck estão lesionados, o volante Nathan pode ser improvisado no setor, pois Ednei está sem ritmo de jogo. Já a dupla de zaga terá as presenças dos experientes Índio e Juan, recuperados de lesões.

O volante João Afonso, com febre, foi ausência no treino de sexta deve ter condições de jogo. A dúvida é Willians, preservado ao longo da semana. Com isso, Alex pode ser utilizado como segundo volante. Já o sistema ofensivo contará com os retornos de Forlán, que estava com a seleção do Uruguai, e Leandro Damião, recuperado de lesão.


ÍDOLO É A ÚLTIMA APOSTA DO COXA

Ele se tornou ídolo do Coritiba como jogador, era auxiliar técnico e, agora, tem a missão de livrar o Coxa, que chegou a liderar o Brasileirão, do rebaixamento para a Segundona. Esse é Tcheco, confirmado como treinador do Alviverde para os três últimos jogos do time no Campeonato Brasileiro. A sua missão não será das mais simples, pois o Coxa ingressou na zona do descenso na última rodada e tem risco de queda de 51%.

O debute do ex-apoiador como treinador será logo contra o seu rival nos tempos de Grêmio. E ele deve promover mudanças no time. A principal delas será o esquema, pois o 4-4-2 deve ser substituído pelo 3-5-2, com Leandro Almeida, Luccas Claro e Chico formando o trio de zaga. Almeida era dúvida, mas se recuperou de dores musculares.

O principal problema enfrentando por Tcheco é não poder contar com o meia-atacante Robinho, tão importante para o time como Alex. Lesionado, ele só volta a atuar em 2014. Com isso, a tendência é que Alex seja o único responsável por municiar a dupla formada por Júlio César e Deivid, dois centroavantes, sendo que o primeiro pode cair pelos lados do campo.

– O Tcheco conhece bem o elenco e é muito respeitado por todos pela história que construiu no clube. Nossa dificuldade será mesmo com o Inter, mas treinamos duro e conversamos bastante durante a semana sobre a importância da vitória no jogo de amanhã (domingo). Estou confiante que temos boas chances de voltar para Coritiba com os três pontos – destacou Deivid, camisa 9 do Coxa.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL X CORITIBA

Local: Estádio Francisco Stédile (Centenário), em Caxias do Sul (RS)
Data-hora: 24/11/2013 – 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira
Auxiliares: Arnaldo Rodrigues de Souza (CE) e Albino Andrade Albert Júnior (PE)

INTERNACIONAL: Muriel, Nathan (Ednei), Índio, Juan e Fabrício; João Afonso, Willians (Alex), D'Alessandro e Otávio; Forlán e Leandro Damião – Técnico: Clemer.

CORITIBA: Vanderlei; Leandro Almeida, Luccas Claro e Chico; Victor Ferraz, Júnior Urso, Willian, Alex e Carlinhos; Julio César e Deivid – Técnico: Tcheco.