icons.title signature.placeholder Michel Castellar
20/06/2014
08:01

Nas duas primeiras partidas da Colômbia na Copa do Mundo, o meia Cuadrado foi um dos principais jogadores da Colômbia. Atleta da Fiorentina, sua transferência para o Barcelona ao término do Mundial é dada como certa nos bastidores do futebol.

Cuadrado ao ser indagado sobre a transferência tem procurado fugir da questão. Após a vitória sobre a Costa do Marfim, em que voltou a se destacar, ele disse que o momento é o de se concentrar na seleção.

- Não é hora de falar sobre esse assunto. O momento é o de pensar na Colômbia. Depois da Copa, voltarei a falar sobre isso - disse, aos risos, Cuadrado.

Apesar de atuar como meia, Cuadrado, de 26 anos, já foi atacante e pode também ser escalado como lateral-direito. Sua velocidade e criatividade em campo é uma de suas marcas registradas.

O técnico da Colômbia, José Pékerman, tem se derramado em elogios a Cuadrado. E afirmou que o meia tem total condições de atuar no Barcelona.

- Ele é um jogador em ascensão permanente e está se superando tanto no clube quanto na seleção. E ele vai progredir ainda mais se for para um time tão importante quanto o Barcelona - comentou o treinador.

Pékerman ressaltou que Cuadrado tem demonstrado que já sabe se comportar tanto dentro quanto fora do campo. Ressaltou que o atleta, mesmo se não atuasse na Copa do Mundo, estaria preparado para defender qualquer grande clube no mundo.