icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/12/2013
13:14

A Croácia, rival do Brasil na estreia da Copa do Mundo, pode enfrentar a Seleção com uma dupla de ataque totalmente estrangeira. E curiosamente, formada por um brasileiro e um argentino. Eduardo da Silva pode, em breve, ter a companhia de Federico Rasic, do Gimnasia La Plata. O jogador nasceu em Mar Del Plata, mas tem ascendência croata e poderia se naturalizar.

A Federação Croata de Futebol já vem observando o grandalhão de 1m96, que pode estar bem perto de acertar sua transferência para Spartak Moscou, pode entrar em contato em breve com representantes da seleção.

- A Federação Croata enviou uma pessoa para falar com a gente sobre a possibilidade de Federico atuar pela sua seleção. Niko Kovac mostrou-se interessado em suas qualidades - confirmou Pablo Ceijas, representante do jogador, ao site "Goal.com".

O titular absoluto no ataque da seleção croata é Mandzukic (nascido na Croácia mesmo). Porém, o centroavante do Bayern de Munique está suspenso e não enfrenta o Brasil, abrindo espaço para o ataque entre brazuca e hermano.