icons.title signature.placeholder Raphael Martins
19/11/2013
19:38

Parecia que seria com drama, mas Cristiano Ronaldo mostrou porque está entre os melhores do planeta nos últimos anos. O craque do Real Madrid fez três gols e colocou Portugal na Copa do Mundo de 2014. O camisa 7, tanto em Lisboa quanto em Estocolmo, foi o diferencial em um duelo equilibrado entre Portugal e Suécia. Um triunfo de 3 a 2 incontestável nesta terça-feira, na Friends Arena, colocou os lusos na competição que será disputada no Brasil.

A Suécia jogou todas as suas fichas, mas Portugal fez por merecer a classificação. Jogou com coragem mesmo estando na Friends Arena, segurou a pressão proporcionada pelos suecos, e não se abalou mesmo quando a torcida local tentou empurrar seu time.

Os donos da casa têm um jogador que também merece credenciais de craque: Ibrahimovic. O gigante dos gols acrobáticos ainda chegou a empatar e virar o jogo. Deu uma sobrevida aos escandinavos, mas foi insuficiente. Terá de ver a Copa do Mundo pela televisão.

Ibrahimovic chegou a virar o jogo contra Portugal (Foto: Jonathan Nackstrand/AFP)

Pois que Ibra curta bastante este Mundial de casa. Afinal uma Copa do Mundo no Brasil sem Portugal não seria o mesmo. Assim como faria falta ao torneio mais um capítulo na rivalidade entre Messi e Cristiano Ronaldo. Quem sabe teremos um confronto entre argentinos e portugueses em solo brasileiro?

As arrancadas de Cristiano Ronaldo, que só pararam com a bola nas redes do goleiro Isaksson foram de tirar o fôlego. Cabe destacar também os passes de João Moutinho para o atacante no primeiro e no terceiro gols.

No lance do primeiro, Olsson, que marcava o português, ficou para trás e quando viu o camisa 7 já estava correndo com os braços para o ar.


Cristiano Ronaldo: 'Eu mando aqui'
(Foto: Jonathan Nackstrand/AFP)

   

Só que para Portugal nada pode ser fácil. Ibrahimovic empatou, de cabeça, em um lance de escanteio que Bruno Alves não saiu do chão para impedi-lo. Minutos depois Ibra acertou uma pancada em uma falta e virou. A Suécia precisava de um gol.

Mas Portugal tem Cristiano Ronaldo. Em noite fantástica e histórica, o jogador do Real Madrid mostrou para Ibrahimovic quem é mais craque. Duas arrancadas, mais dois gols e a tradicional comemoração do "quem manda aqui sou eu". De quebra CR7 igualou a Pauleta como o maior artilheiro da seleção lusa, com 47 gols.

Nossos patrícios estarão na Copa do Mundo. Nada mais justo pelas ligações históricas entre brasileiros e portugueses. Nada mais justo, para aquele que promete ser o melhor Mundial de todos os tempos, ter um supercraque como Cristiano Ronaldo.