icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/11/2013
21:39

Após três triunfos consecutivos, o Criciúma teve sua sequência quebrada pelo Vitória, no empate de 1 a 1 entre eles, na noite deste sábado, no Heriberto Hülse. Wellington Paulista, de pênalti, anotou o gol do Tigre e Dinei balançou as redes pelo rubro-negro baiano. Foi o milésimo gol do Vitória na história do Brasileiro.

O empate acabou sendo ruim para ambos os times. O Criciúma desperdiçou chance de afastar a chance de rebaixamento, enquanto o Vitória fica mais longe de alcançar o G-4 e a consequente classificação para a Libertadores.

O Criciúma foi soberano na primeira etapa, abrindo o placar com Wellington Paulista, cobrando pênalti. O time baiano acusou o golpe, errando muito e demonstrando nervosismo fora do normal.

Inexplicavelmente, os catarinenses recuaram em excesso e o time comandado por Ney Franco tentou se aproveitar, mas sem sucesso. Na melhor chance que teve na primeira etapa, Marquinhos finalizou sem força, desperdiçando a chance de o Vitória ir para os vestiários com o empate.


O Vitória voltou com outra postura para o segundo tempo, alcançando o empate aos sete minutos, com Dinei. Foi o milésimo gol dos baianos na história da competição. O gol animou o time baiano, que chegou a pressionar os donos da casa, tendo chances de virar a partida.

Assistindo à apatia de seus atletas, o técnico Argel Fucks promoveu mudanças, a principal delas André Gava entrando no lugar do inoperante Morais. E o meia logo em seu primeiro toque teve a chance de definir a vitória dos catarinenses, mas chutou em cima de Wilson. Apesar das chances criadas pelas duas equipes, o jogo acabou empatado.

FICHA TÉCNICA
CRICIÚMA 1 X 1 VITÓRIA

Local: Heriberto Hülse, em Criciúma (SC)
Data-Hora: 23/11/2013 – 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (SP)
Auxiliares: Vicente Romano Neto (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)
Renda/Público: R$ 124.880,00/9.934 presentes
Cartões amarelos: Victor Ramos e Henik (CRI); Juan (VIT)
Cartões vermelhos: Não houve.

Gols: Wellington Paulista, 12'1ºT(1-0) e Dinei, 7'/2ºT(1-1).

CRICIÚMA: Galatto; Sueliton, Ewerton Páscoa, Fábio Ferreira e Marlon; Henik, Serginho, Elton (Bruno Renan, 12'/2ºT) e Morais (André Gava, 30'/2ºT); Lins (Cassiano, 16'/2ºT) e Wellington Paulista – Técnico: Argel Fucks.

VITÓRIA: Wilson; Ayrton, Victor Ramos, Kadu e Juan; Michel (Danilo Tarracha, Intervalo), Cáceres e Escudero (Almeão, 33'/2ºT); Marquinhos, Dinei e William Henrique (Maxi Biancucchi, Intervalo) – Técnico: Ney Franco.