icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/06/2014
16:58

A Costa do Marfim chega ao Brasil para sua terceira participação na Copa do Mundo. E no país do futebol os "elefantes" tem plenas condições de brigar pela inédita classificação, na medida em que nas últimas edições deu azar nos sorteios. Na copa da Alemanha em 2006, caiu no mesmo grupo de Holanda e Argentina, já na África do Sul encarou Portugal e Brasil. Mesmo no grupo de seleções tradicionais, o time de Didier Drogba conseguiu vencer um jogo em cada edição, Sérvia e Montenegro e Coréia do Norte, e deu muito trabalho aos adversários.
 
Didier Drogba e Yaya Touré são os grandes astros da seleção, famosos no mundo inteiro defendendo grandes clubes na Champions League. O técnico Sabri Lamouchi disse na entrevista coletiva que conta com todos os jogadores para a estreia, mas deixou claro que muito jogadores estão extenuados fisicamente, deixando muitos torcedores africanos preocupados com as condições físicas de suas estrelas.

- Todos os jogadores estão preparados para jogar. Se estão 100%, não posso afirmar. Tivemos alguns problemas de saúde, mas todos estão disponíveis. Nossos médicos fizeram um excelente trabalho, e Drogba se esforçou muito para chegar ao melhor nível. É um grande jogador e sua experiência nos será muito útil. – enfatizou o técnico.


E MAIS: 
> Campanha olímpica impulsiona Honduras e 'perder virgindade' em Mundiais
> Técnico francês não vê 'apenas agressividade' em Honduras e ensaia bom humor
>  Seleção da França chega a Porto Alegre com chuva, frio e festa para Drogba
> Francês prepara-se para ver sua seleção pela '205ª vez'