icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
27/07/2014
20:26

Parecia uma noite para a redenção, com Barcos voltando a marcar após mais de dois meses. Mas o Coritiba não estava dentro desse roteiro perfeito. O time paranaense surpreendeu o Grêmio dentro da Arena com dois de Zé Love e um de Alex, e voltou a vencer após dois jogos. A torcida gremista, após o terceiro gol paranaense, abriu uma faixa na arquibancada pedindo a saída de Enderson Moreira. Ao final da partida, vaias e gritos de "burro".

O time de Enderson Moreira agora encarreira três jogos sem vencer dentro de casa - a última em seu estádio aconteceu no dia 18 de maio, contra o Fluminense. Três dias depois, ganhou do Botafogo, mas no Alfredo Jaconi, onde também empatou com o Palmeiras, antes da parada para a Copa. Depois, empatou com o Goiás, na Arena.

Com o resultado, o Tricolor fica nos 19 pontos e cai para décimo. Já o Coxa permanece na zona de rebaixamento, mas vai a 10 pontos e supera Figueirense e Bahia. Os gaúchos viajam a Salvador para enfrentar o Vitória, no próximo sábado, às 21h. Já o clube paranaense pega o Corinthians, às 16h de domingo, no Couto Pereira.

COXA CHEGA PERTO

A grande expectativa da noite pairava sobre Fernandinho. O atacante centralizava as atenções da torcida gremista, já que o clube investiu tempo e um montante considerável de recursos. Mas o camisa 77 foi discreto nos primeiros 45 minutos como jogador gremista. Esteve, é verdade, envolvido nas duas melhores chances criadas: primeiro, em cruzamento de Luan. O desvio de cabeça foi afastado por Luccas Claro. E depois em passe de Giuliano em profundidade. Na disputa com Norberto, Fernandinho caiu e pediu pênalti.

Até os 15 minutos o Grêmio teve presença ofensiva. Mas depois, uma sucessão de erros de sincronia e parte técnica abaixo do esperado, não conseguiu levar perigo a Vanderlei. Rhodolfo cabeceou cruzamento de Luan, em saída errada do goleiro, mas a bola saiu sobre a meta.

O Coritiba, por outro lado, esteve bem organizado. Celso Roth montou duas linhas de quatro para se fechar e espantar o momento ruim. O time paranaense tem apenas uma vitória em 11 jogos. Mas acertou duas bolas na trave. A primeira com Alex, em arremate de fora da área, aos 22. E depois em contra-ataque aos 40, quando o camisa 10 roubou bola de Giuliano e serviu Zé Love. O atacante passou por dois e ajeitou para Robinho, que parou em Grohe pela primeira vez e depois bateu na trave, no rebote.

Não demorou muito para que o Coxa chegasse novamente com perigo. Zé Love recebeu aos três minutos, nas costas de Pará e Geromel, e driblou Grohe para marcar o gol do Alviverde. No retorno do vestiário, Enderson já havia colocado Matías Rodriguez e Rodriguinho nas vagas de Saimon e Ramiro, respectivamente.

ALEX MATA NO FINAL

O clima de desconfiança já tomava conta das arquibancadas. A torcida seguia seu calvário de críticas a Barcos. Pois foi ele quem resolveu. O camisa 9 recebeu bom passe de Fernandinho, de estreia apagada até então, cortou a marcação e bateu forte, de perna esquerda, para empatar. O Pirata não marcava há mais de dois meses. Os últimos gols haviam sido contra a Chapecoense, dia 11 de maio.

A partir daí, a pressão tricolor começou. Fernandinho e Giuliano se aproximaram mais da área e tentavam tramar pela esquerda. Rodriguinho arriscou de longe e tentava bolas verticais. Mas foi em passe de gênio de Luan, da meia direita, que o Pirata driblou Vanderlei para marcar o segundo seu e virar o jogo.

A alegria dos tricolores durou pouco. Em uma falta da meia esquerda, cobrada por Alex, os paranaenses empataram e recolocaram o Coxa no jogo. Zé Love entrou no meio da defesa e desviou o cruzamento com o peito para empatar aos 27. Barcos ainda perdeu na cara de Vanderlei, aos 41, e não deu a vitória para os gremistas. No último minuto, Alex recebeu no meio da área e desviou na saída de Grohe para garantir a vitória. 

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 2 X 3 CORITIBA

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data-hora: 27/072014 - 18h30
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA-MG)
Auxiliares: Márcio Eustaquio S. Santiago (FIFA-MG) e Guilherme Dias Camilo (MG)
Público-renda:
Cartões amarelos: Luccas Claro, Norberto (CTBA) Matias Rodriguez (GRE)

Gols: Zé Love - 3'/2°T (0-1), 27'/2°T (2-2), Barcos - 11'/2°T (1-1) e 19'/2°T (1-2) e Alex - 48'/2°T (2-3)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Pará, Rhodolfo, Pedro Geromel e Saimon (Matías Rodriguez - intervalo); Ramiro (Rodriguinho - intervalo), Riveros, Fernandinho (Jean Deretti - 32'/2°T), Giuliano e Luan; Barcos - Técnico: Enderson Moreira.

CORITIBA: Vanderlei; Norberto, Luccas Claro, Welinton e Dener; Baraka, Germano, Robinho (Elber -41'/2°T), Dudu (Keirrison - 24'/2°T) e Alex; Zé Love (Helder - 42'/2°T) - Técnico Celso Roth.